MINHA SAUDADE É COMO A NUVEM

MINHA SAUDADE É COMO A NUVEM

0 223

Nathália Sales – Poligrafias – Parceiros Contramão HUB

Hoje, precisei lidar com a saudade. Não sabia ao certo se chorava, sorria ou deixava meu silêncio gritar. Refletindo sobre essa loucura que estou sentindo, percebi o quanto sou imatura ou madura demais para conversar e dizer o quanto me dói lembrar de algo que aconteceu, de algo que poderia ter acontecido, mas não aconteceu.

Às vezes, a saudade chega e nem me dou conta que está ali. E justamente hoje, olhando aquela fotografia que fiz questão de eternizar, eu a senti bater, como aquela chuva de verão que vem sem avisar. Como aquela chuva que vê uma nuvem no céu e sabe que o dia não será ensolarado, sabe que terá que carregá-la e fazê-la desabar em tempestade.

Mas é só ter calma porque logo depois o vento leva aquela nuvem pra longe. Pois bem, a nuvem é minha saudade, a chuva você sabe quem? Com paciência, consegui olhar o céu e ver que o sol estava escondido lá no horizonte. Logo mais ele voltará a brilhar e secará tudo que a chuva fez questão de molhar.

SIMILAR ARTICLES

NO COMMENTS

Deixe uma resposta