Stop-motion do Trânsito

Stop-motion do Trânsito

0 397

Assim como os parques de diversões, o trânsito também tem o poder de causar muitas emoções nas pessoas. Os sentimentos são variados e vão da irritação que faz soltar palavrões aos sustos consequentes das freadas bruscas ou até mesmo à diversão que alguns artistas proporcionam com seus malabares.

A fim de retratar essa realidade comum às grandes cidades brasileiras, o Contramão fotografou o trânsito na rua da Bahia, no trecho entre as ruas Bernardo Guimarães e Bias Fortes, durante quatro horas. Percebemos que a ansiedade dos motoristas para chegar em casa é equivalente à dos personagens do desenho “Corrida Maluca” para conquistar o primeiro lugar. Ainda pensando no desenho, encontramos com vários “Dicks Vigaristas” pelo caminho, tentando atravessar sinais vermelhos ou parando nas faixas de pedestres.

As estatísticas ajudam a entender essa confusão. Segundo o jornal Correio Braziliense, a frota atual de veículos na capital mineira é de 1.146.096, número que cresce 7,6% ao ano. A previsão para 2020 é que circulem em Belo Horizonte 2.565.384 veículos! E não para por aí. Há dois anos, de cada cem automóveis, 55 transportavam apenas uma pessoa. Hoje este número passou para 70. Estima-se que duas vezes por dia 45% dos belo-horizontinos ficam presos no trânsito e a previsão para que ele pare de vez é de 12 a 15 anos. Enquanto isso não acontece, usamos as fotos para fazer um vídeo stop-motion. Assista e comece a imaginar a situação em 2021!

por: Áurea Maíra, Hélio Monteiro e Natália Oliveira