Authors Posts by editores contramao

editores contramao

743 POSTS 3 COMMENTS

0 763
Foto: Laís Brina

Deusa da agricultura, Perséfone é a única filha de Zeus e Demeter, que enquanto criança preocupava-se apenas em colher flores. Mas, à medida em que crescia sua beleza se tornava evidente, encantando a todos, até mesmo a Hades. Ao pedi-la em casamento, sua mãe negou, o que não impediu o senhor dos mortos de persegui-la e sequestra-la.

Ao levar Perséfone em sua carruagem, Demeter não se conformou e obrigou Zeus a trazer sua filha de volta. Não concordando, Hades arquitetou um plano para que ela continuasse em seus domínios. Para isso, ele deu a ela uma romã, fruto do casamento. Ao ingerir os grãos, ela não poderia mais deixa-lo, e assim ela passou a ter períodos alternados entre ele e sua mãe.

Arte: sandara krew
Arte: Sandara Krew

Daquele dia em diante, a cada vez que a deusa estava no mundo inferior a terra se tornava gelada e sem vida, era inverno. E quando ela subia ao Monte Olimpo tudo se tornava verde e com isso a natureza fazia brotar flores e frutos. E assim nasceu o mito de Perséfone ou como conhecemos: a Primavera.

 

Por Ana Paula Tinoco

Encontrar alternativas destinadas à produção orgânica de alimentos, principalmente na agropecuária, tem sido um desafio presente na sociedade. A meta de especialistas, ambientalistas e pessoas que estão preocupadas com o tema é criar meios para afastar a aplicação de agrotóxicos nos alimentos destinados ao consumo, priorizando entre outros, a produção caseira dos mesmos.

De acordo com dados apresentados pelo Sistema Nacional de Informações Tóxico-Farmacológicas (SINITOX), que é vinculado à Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), somente no ano de 2009, 170 pessoas vieram a óbito em decorrência de intoxicação causada por agrotóxicos, de um total de 5.204 casos registrados no mesmo ano.

No dia 14 de setembro, foi divulgada a aquisição da empresa fabricante de bioquímicos Monsanto, pela Bayer, que é destinada à produção farmacêutica. A Monsanto é uma multinacional de agricultura destinada para a produção e comercialização de agrotóxicos em países da África, Europa, Oceania, Américas do Norte e do Sul. A aquisição foi efetuada no valor estimado de 66 bilhões de dólares e aguarda aprovação pelos órgãos reguladores.

A recente operação comercial levantou questionamentos quanto aos rumos em que as indústrias alimentícias e farmacêuticas irão tomar. O monopólio de produção de agrotóxicos, concentrados em uma mesma empresa que também fabrica medicamentos contra doenças, apresenta contradições que vão além dos detalhes de uma operação comercial do mercado financeiro.

Soluções contra os agrotóxicos

Um meio encontrado para driblar a toxicidade dos alimentos que possuem agrotóxico é o cultivo caseiro e orgânico de frutas, legumes e verduras. É o caso de Vicente Carlos Pimentel, 66, aposentado, que explica como surgiu a ideia de criar uma horta em sua casa. “Primeiro, para preencher as horas vagas. E depois, pelo prazer de lidar com a terra, sementes, mudas e colher o que foi plantado sabendo que estamos comendo alimentos sem agrotóxico é gratificante”, comenta Pimentel.

Ingridy da Silva, 19, é estudante de geologia. Ela também realiza o cultivo de produtos orgânicos em sua casa e relembra os momentos da infância quando presenciava os cuidados de suas avós com a terra. “Quando criança, ficava maravilhada com o cantinho de flores e hortaliças que elas mantinham. No meu amadurecimento social, vi que cultivar uma horta traz grandes benefícios diante da sociedade imediatista e industrializada”, ressaltando a importância de reduzir o consumo de agrotóxicos.

Ações para a comunidade

Encontrar alternativas ao consumo de alimentos contaminados por químicos pode ser um desafio. Porém, existem ações que são realizadas com o objetivo de restaurar a forma da produção natural e saudável dos alimentos. Este é o caso do Laboratório Ecossistêmico Interdisciplinar de Aprendizagem, o LEIA.

Ele é um projeto de extensão desenvolvido pelo Centro Universitário UNA e irá promover a ecologia de saberes entre conhecimentos acadêmicos e populares. A princípio, ele visa criar meios alternativos para o uso de espaços ociosos, transformando-os em ambientes educativos, de forma colaborativa.

Rosilene de Lima Campolina, gastrônoma e jornalista, é uma das pessoas que está à frente do projeto. Ela acredita que a agricultura familiar comunitária é um benefício para a comunidade que cria uma forma alternativa de acesso aos alimentos livres de agrotóxicos. “Produtos orgânicos ainda têm preços elevados devido à demanda (procura e oferta), mas o fomento e crescimento da agroecologia podem mudar este cenário e tornar a aquisição uma prática acessível a todos”, ressaltando a importância desse modelo de projeto.

Reportagem: Bruna Dias e Lucas D’Ambrosio

Infográfico: Isabela Castro

0 469
Hemoba faz Campanha para Doação de Sangue no Carnaval. Foto: Elói Corrêa/GOVBA

Para evitar contaminações de Chikungunya e Zika por transfusão de sangue, à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Ministério da Saúde, determinaram em nota divulgada na noite da última segunda-feira, 12, que as triagens deverão ter critérios específicos para identificar os vírus, ou seja, vão perguntar se os doadores já tiveram sintomas das doenças. Em nota, não ficou claro que os sangues serão analisados, mas pediram para que os técnicos tivessem mais atenção aos sintomas das doenças.

A medida foi tomada por existir evidências que a contaminação do Zika pode ocorrer pela transfusão e relações sexuais, mesmo o mosquito sendo o principal vetor. Já no caso do vírus da Chikungunya, não existem provas científicas que essa contaminação ocorre pela transfusão, entretanto, foi indicado que as pessoas que tiveram esses sintomas, não sejam doadores. De acordo com o Boletim Epidemiológico do Ministério da saúde, todos os estados brasileiros já apresentaram casos confirmados dos dois vírus.

De acordo com a nota disponível aqui, para pessoas infectadas com o vírus do Zica ou Chikungunya, deverão aguardar 30 dias para a doação, depois da recuperação completa da doença. No caso das pessoas que tiveram relações sexuais com infectados do Zika nos últimos 90 dias, também deverão esperar os 30 dias para a doação. Pessoas que mudaram para regiões endêmicas ou com epidemias de Chikungunya, ou seja procedentes dessas regiões, seja ela nacional ou internacional, também devem esperar os 30 dias.

Até o último Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), Minas Gerais apresentou 831 casos prováveis de Chikungunya e 14.992 de Zika, sendo que 155 gestantes foram confirmadas em Belo Horizonte com Zika. Segundo SES-MG, devido a época do ano, houve queda nas taxas de incidências das doenças, entretanto, não param com o Programa de Controle Permanente da Dengue, Chikungunya e Zika Vírus, para o combate do mosquito Aedes.

Texto: Amanda Eduarda

Foto Reprodução da Internet
  • 1º Ponteio Bier Fest

Data: de 16.09.2016 até 17.09.2016

Local: Ponteio Lar Shopping

O evento irá reunir grandes marcas e fornecedores cervejeiros de Minas e do Brasil.
Entre as marcas que estarão presente estão: Loba, Mantrap, Leopoldina, Kud, Verace, Walls, Reimes, Uai Bebidas, Prussia, Casa Olec, Experimento. O público poderá conferir produtos de microcervejarias, consultorias, cursos para formação de cervejeiros e ter noções de como começar a produzir a sua própria cerveja, além de degustar as bebidas.

Informações Adicionais:

6ª das 16h às 22h, sáb. das 11h às 22h.

https://ponteiolarshopping.com.br/

Telefone: 31 3503-2500

Entrada Franca

  • Contos da Noite

Data: 16.09.2016 – 13:30

Local: Centro Cultural Pampulha (CCP)

Animação que apresenta a história de um rapaz, uma moça e um senhor, apresentados em silhuetas, que se reúnem às noites para vivenciar contos fantásticos.

https://www.bhfazcultura.pbh.gov.br/

Telefone: 31 3277-9292

Entrada Franca

  • Lua Cheia no Museu

Data: de 16.09.2016 – 19:00 até 17.09.2016 – 22:30

Local: Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG

O evento tem como objetivo geral ampliar o leque de atividades ambientais e educativas oferecidas pelo MHNJB e proporcionar uma atividade cultural diferenciada, que contemple as dimensões do lazer e do conhecimento em um espaço único, pouco comum em áreas densamente povoadas e urbanizadas. A visita inclui a caminhada na mata, com a apreciação cientifica de diversos aspectos ambientais, uma apresentação cultural e uma palestra/exposição de répteis.

https://www.mhnjb.ufmg.br/evento/lua-cheia-no-museu

Telefone: 31 3409-7650

Email: luacheianomuseu@yahoo.com.br

Promoção: Programa de Educação Ambiental e Patrimonial – Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG

Realização: Programa de Educação Ambiental e Patrimonial – Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG

  • Rock no Raul

Data: 16.09.2016 – 20:00

Local: Teatro Raul Belém Machado

A Associação Multimusical -AMMUL em parceria com o Teatro Raul Belém Machado apresenta o projeto intitulado Rock no Raul, trata-se de uma iniciativa de apoiar bandas de rock autoral, consolidando a vocação musical do entorno do Teatro Raul Belém Machado.

https://www.bhfazcultura.pbh.gov.br/

Telefone: 31 3277-6437

  • Alceu Valença Acústico

Data: 16.09.2016 – 21:00

Local: Cine Theatro Brasil Vallourec

No palco, o Alceu desfila um roteiro musical, a partir de sua própria trajetória, e interpreta canções que escreveu e cantou pelas ruas de cidades e países por onde tem andado ao longo de sua carreira. Temas do agreste e do sertão pernambucanos, como Pau-de-Arara, Xote das Meninas e Sabiá, imortalizados por Luiz Gonzaga, sopram o vento de puro éter de Cavalo-de-Pau e repisam as ruas do passado de Cabelo no Pente.

https://cinetheatrobrasil.com.br/

Telefone: 31 3201-5211

  • Chá da Anitta

Data: 16.09.2016 – 22:00

Local: Serraria Souza Pinto

Ambientada na famosa história de Lewis Carroll, a festa CHÁ DA ALICE propõe uma noite irreverente e inesquecível para o público: os “Aliceados”
Os” Aliceados” são recebidos pelos personagens principais da história num clima circense. O Coelho que corre e pula em uma perna mecânica, o Gato risonho que faz acrobacias em um tecido, A Rainha de copas que comanda a fila com seu soldado de carta, o Chapeleiro Maluco que te serve um Chá misterioso antes de você entrar e a Alice que vai te levar prum mundo de alegria!
A música contagiante da festa não deixa ninguém parado e os ritmos são os mais variados, promovendo uma noite diferente, única, exclusiva! Elas são intercaladas com vinhetas retiradas de vídeos famosos do YouTube e outras referências instantâneas do inconsciente coletivo.

https://www.centraldoseventos.com.br/

Telefone: 31 99727-2377

  • Ela Só Quer Paz

Data: 16.09.2016 – 22:00

Local: Wood’s Belo Horizonte

Projota é atração da noite de sexta, com a festa Ela Só Quer Paz, do Projota. No mesmo dia sobem ao palco Pedro Leite e Lucas BHZ.

https://www.woodsbar.com.br/belohorizonte/

Telefone: 31 3567-9589

  • 1ª Virada Do Metal

Data: de 17.09.2016 até 18.09.2016

Local: Stonehenge Rock Bar

Nos dias 17 e 18 de Setembro, ocorrerá a primeira Virada do Metal de Belo Horizonte com 29 bandas do cenário extremo do Brasil.
Mais de 28 horas de evento com a participação das bandas Rebaelliun, Drowned, Scourge, Divine Death, Mortifer Rage, Agaurez, Rastros De Ódio, Pesta, Zargof, Facinora, Velorium, Coffinfeeder, Rocking Riders, Hellcome, Embryonic Dismemberment, Ex Machina, Aka Funeral, Dops, Fake, Chaoslace, Scalped, Warfactor, Meggera, Sepulchral.Voice, Factor Kill, Sagrado Inferno, Oostegor, Atomic Fear e Gehasst.
Além dos shows, o evento contará com exibição de documentários relacionados a cultura heavy metal.

https://www.facebook.com/stonehengerockbarbh

Telefone: 31 3271-3476

  • 9° Desafio 10 Voltas de Ciclismo na Pampulha 2016

Data: 17.09.2016 – 05:00

Local: Orla da Lagoa da Pampulha

Esta é uma prova de desafio de incentivo à prática regular de atividade física em benefício da saúde e do bem-estar.
O 9º DESAFIO DE CICLISMO NA PAMPULHA 2016 tem como objetivo realizar 10 voltas na Lagoa da Pampulha em Belo Horizonte, MG, com um prazo máximo de 6 horas.
É realizado por meio de uma confraternização saudável entre atletas, ciclistas amadores e desportistas que tentam mobilizar o maior número possível de pessoas a praticar o esporte ciclismo neste dia.

https://ligamineiradeciclismo.blogspot.com.br/2016/08/9-desafio-10-voltas-de-ciclismo-na.html

Telefone: 31 3443-1438

Email: contatopedaldofrango@gmail.com

Promoção: Pedal do Frango Eventos e Federação Mineira de Ciclismo

Realização: Pedal do Frango Eventos e Federação Mineira de Ciclismo

  • Contos de Lá nos Canto de Cá

Data: 17.09.2016 – 10:30

Local: Centro Cultural Venda Nova (CCVN)

São várias viagens pelo mundo e pra dentro da gente mesmo, conhecendo pessoas e lugares, revelando criaturas e sensações.

https://www.bhfazcultura.pbh.gov.br/

Telefone: 31 3277-5533/3277-9504

Entrada Franca

  • Conexões Musicais

Data: 17.09.2016 – 18:00

Local: Conservatório Mineiro de Música – UFMG

Quarteto Musik, formado pelos violinistas brasileiros Rodrigo de Oliveira e Arthur Vieira Terto, pelo violista italiano Roberto Papi e pelo cellista alemão Felix Drake, todos músicos da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais. O grupo tem como objetivo proporcionar ao público mineiro a oportunidade de conhecer e se
aproximar da música erudita, tornando a música clássica de câmara mais acessível à população.
No concerto, os músicos trarão a obra Sunrise, Opus 76 do Compositor Joseph Haydn e A Morte e a Donzela de Franz Schubert, ambas executadas em 4 movimentos. Tais peças foram escritas originalmente para quarteto de cordas, e trazem ao público melodias fortes, mudanças dramáticas e harmonias que permitem aos espectadores experimentarem diversas emoções.

https://www.conservatorio.ufmg.br/

Telefone: 31 3409-8300

Entrada Franca

  • Ajoelhou tem que Rezar

Data: 17.09.2016 – 18:00

Local: Land Spirit Club: BR 356, 7575 – km 7,5 – Olhos d’Água

A música fica por conta de Gabriel O Pensador, DJ Negralha (O Rappa) e Inquilinos.

https://https//www.sympla.com.br/

Telefone: 31 2514-1531

  • Elvis: Tributo ao Rei do Rock

Data: 17.09.2016 – 21:00

Local: Cine Theatro Brasil Vallourec

Cantando ao vivo e sem se utilizar de perucas ou costeletas postiças, Mark Rio encarna no palco de maneira impressionante o “Rei do Rock” reproduzindo com o máximo de fidelidade o auge de sua carreira em suas incríveis performances em Las Vegas.
Com réplicas oficiais dos trajes, joias, violão e microfone utilizados por Elvis nos anos 70 e uma “Elvis Tribute Band” extremamente fiel à “TCB Band”, banda original de Elvis Presley, “ELVIS: Tributo ao Rei do Rock” é um show que vem emocionando fãs pelo Brasil por onde passa.
No repertório estão incluídos todos os grandes sucessos românticos da carreira de Elvis Presley incluindo interpretações especiais de “My Way” e “Always On My Mind”.

https://cinetheatrobrasil.com.br/

Telefone: 31 3201-5211

  • Dandô – Circuito de Música Dércio Marques

Data: 18.09.2016 – 11:30

Local: Memorial Minas Gerais Vale

Cantador, tocador de violas, rabecas, percussões e apaixonado pela cultura musical dos povos, João Arruda é considerado um dos jovens promissores artistas da música brasileira, comprometido com a valorização e a recriação de temas e canções da nossa cultura popular, bem como de outros cantos.

https://www.memorialvale.com.br/

Telefone: 31 3308-4000

  • 4ª Etapa do Campeonato Estadual de Jiu-Jitsu 2016 / Torneio Lutadores / 42ª Taça MG

Data: de 18.09.2016 – 09:00 até 18.09.2016 – 19:00

Local: Mineirinho – Estádio Jornalista Felipe Drummond

Participam atletas de todas as idades, masculino e feminino. Todas as faixas, pesos e graduações.

https://www.jiujitsuminas.com.br

Telefone: 31 3224-8979

Email: fmjitsu@terra.com.br

Promoção: Federação Mineira de Jiu-Jitsu (FMJ-J)

Realização: Federação Mineira de Jiu-Jitsu (FMJ-J)

  • Contos de Lá nos Cantos de Cá

Data: 18.09.2016 – 11:30

Local: Museu Histórico Abílio Barreto (MHAB)

O espetáculo é uma narração de histórias e música que passeia pelo imaginário coletivo da cultura popular de diversas partes do mundo. A apresentação integra o projeto Brincando no Museu.

https://www.bhfazcultura.pbh.gov.br/

Telefone: 31 3277-8573

Entrada Franca

Fonte: Agenda Cultura de Belo Horizonte

 

0 531

“Num grão de poeira suspenso num raio de sol. A Terra é um palco muito pequeno em uma imensa arena cósmica.” – Carl Sagan.

img_1_12_3389
Novo mapa em 3D, com mais de um bilhão de estrelas. – Foto: Divulgação

Agora as pessoas que são fãs de astronomia, não precisam mais se decepcionar com o jogo de ação e simulação do espaço, No Man’s Sky. Ontem, quarta-feira, 14, foi publicado pela Agência Espacial Européia (ESA), o novo mapa, em três dimensões, da Via Láctea, com imagens captadas do Satélite Gaia. Que de acordo com o portal, é a maior pesquisa de corpos celestes feita até hoje.

O mapa que é todo detalhado, contém mais de um bilhão de estrelas e além de registrá-las, Gaia captou a distância delas entre a terra e sua movimentação. Segundo o diretor de ciência da ESA, Álvaro Giménez, os dados que o Gaia ainda vai fornecer, pode revolucionar a compreensão de como as estrelas são distribuídas e sua movimentação.

O satélite Gaia

The Milky Way blazes above the European Southern Observatory (ESO) facilities at Mount Paranal in northern Chile’s Atacama Desert. Paranal hosts the world’s most advanced ground-based astronomical observatory, the Very Large Telescope (VLT), and is home to two new telescopes for large imaging surveys currently under construction, the VLT Survey Telescope (VST) and the Visible and Infrared Survey Telescope for Astronomy (VISTA). Both are expected to “take up duty” in the 2009-2010 timeframe.  This photograph shows an edge-on view of the Milky Way’s glowing plane slicing across the night sky, laced by bands of dust and dark gas. Taken with a digital camera using a three-minute exposure, the photograph also reveals a bit of action on the ground. To the left, a vehicle with its parking lights on stops lets out a passenger. Though bathed by the light of the Milky Way, the high-altitude desert remains quite dark. To illuminate the rightward path to the underground entrance ramp of the ‘Residencia’, where staff and visitors stay, the passenger takes along a small flashlight, seen as a squiggly bright line. In the lower right, the glass dome on the Residencia’s roof reflects the starry sky overhead. One of our Milky Way’s galactic satellites, the Large Magellanic Cloud, is seen hanging above the Residencia in the lower right corner of the image.
Satélite Gaia – Foto: Divulgação

Gaia foi lançado para o espaço em julho de 2014, com uma super câmera de mil megapixels, capaz de detectar brilhos, 400 mil vezes menores que o detectável a olho humano, isso tudo graças a dois telescópios instalados, que podem distinguir os níveis de brilho. Ele fez a varredura do céu até setembro de 2015, portanto, o mapa contém informações dos primeiros 14 meses de viagem. A missão tem duração de cinco anos, sendo que já se passaram dois anos.

Assista aqui, a coletiva de imprensa, em inglês, com os cientistas explicando o novo mapa em três dimensões.

Espaço do Conhecimento

images (1)
Espaço do Conhecimento UFMG – Foto: Divulgação

Localizado no centro do Circuito Cultural Praça da Liberdade, o Espaço do Conhecimento UFMG, oferece atrações especiais para quem é fã de astronomia, como o planetário e o terraço astronômico.

Com o projetor analógico Skymaster ZKP4,  as salas do planetário se transformam em um ambiente imersivo, com a sensação de profundidade e total envolvimento.

O terraço astronômico, fica no quinto andar do Espaço do Conhecimento UFMG, ele possui um teto retrátil, que concede a experiência completa da observação dos corpos celestes, por meio de um telescópio. Saiba mais.

Texto: Amanda Eduarda

0 792

A data foi escolhida como forma de homenagem ao jornalista Osvaldo da Silva Almeida, que nasceu dia 14 de Setembro de 1882, ele teria sido o inventor da palavra Frevo lançada em sua coluna no “Jornal Pequeno”, no dia 12 de Fevereiro, do Carnaval de 1908, em Recife .

Porém, o pesquisador Evandro Rabelo afirmou em um artigo que em 09 de Fevereiro de 1907, O Clube dos Espalhadores do Feitosa, noticiou no “Jornal Pequeno” o repertório de marchas carnavalescas com os seguintes títulos: Amorosa, O Sol, O Frevo, entre outras. Comprovando que o vocábulo já estava presente nos clubes carnavalescos.

Desde então 09 de Fevereiro, também é considerado o dia oficial do Frevo em Pernambuco, local de origem da dança.

Origem do Frevo – Uma história de amor, luta e arte.

frevo2

As últimas décadas do século XIX, e as três primeiras do século XX podem se considerar o período de estruturação do carnaval brasileiro. Nessa época, o jogo carnavalesco do entrudo foi proibido várias vezes pelos governantes do Brasil Colônia alegando que tinha espírito pertubador da ordem. Em 1857, foi decidido pelo Congresso das Sumidades Carnavalescas, que o carnaval brasileiro teria as características do carnaval europeu.

Todas as regiões do Brasil aceitaram a mudança, exceto Pernambuco, que na ocasião, iniciava um movimento contra a proibição do Governo quanto á saída dos capoeiras, chamados de desordeiros. Por conta disso Recife se transformou foco da agitação política, pregando o nacionalismo e expulsão dos portugueses, vários pernambucanos foram presos e fuzilados e quase metade do território de Pernambuco foi entregue a Bahia como castigo aos levantes contra o Império.

A medida do Governo gerou uma reação de mais confronto, os capoeiras andavam pelas ruas a procura de brigas, mas era através da dança que chamavam mais atenção. Segundo o historiador Pereira da Costa “O desfile desse pessoal era feito em moldes de verdadeiro delírio, pulando, gingando, jogando capoeira, armados de cacetes e aos gritos, desafiando adversários para a luta.”

Seriam esses capoeiras que teriam dado origem ao frevo, enquanto os passos teriam influência da quadrilha, maxixe, a polca e o dobrado, de acordo relatos dos descendentes do frevo escritos em  Marcha nº 1 do Clube Lenhadores,1903 por Juvenal Brasil.

Patrimônio

Em 2007, o frevo foi declarado como Patrimônio Imaterial do Brasil pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

No dia 05 de Dezembro de 2012, a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco) aprovou o frevo, expressão artística do carnaval do Recife, como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade. O reconhecimento ocorreu durante a 7ª Sessão do Comitê Intergovernamental para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial, na sede da Unesco, em Paris, na França.

Grupo de Dança em BH

Em Belo Horizonte o grupo Sandeiros, fundado em 1 de janeiro de 1980, é uma Companhia de danças folclóricas brasileiras considerada uma das melhores do país. O grupo disponibiliza cursos de dança gratuitos para mais de 500 pessoas por semestre. Clique aqui e saiba mais.

Texto: Gabriella Pimentel