Authors Posts by editores contramao

editores contramao

961 POSTS 2 COMMENTS

Divulgação Uol
  • A hora do Brasil

Data: de 09.09.2016 até 01.10.2016

Local: Teatro da Biblioteca Pública Estadual

500 anos de história reunidos em uma hora de espetáculo. Uma comédia sobre a história do Brasil, seis personagens típicos do nosso cotidiano recontam com muito humor a trajetória da nossa gente. Nessa epopeia cômica o protagonista é o povo. Inspirado nas tradições da comédia popular, o espetáculo mostra de forma inédita a formação do brasileiro.

Informações Adicionais:

6ª e sábado às 21h, dom. às 19h.

https://www.vaaoteatromg.com.br/

Telefone: 31 3272-7487

  • As loucas da cobertura

Data: de 09.09.2016 até 11.09.2016

Local: Teatro Nossa Senhora das Dores

Comédia que conta a história hilária de três amigas. Ivone após sua cobertura ficar pronta resolve a fazer um chá para receber suas melhores amigas, Dolores e Maísa aproveitando para apresentar seu amigo Zé está na cidade a passeio. Tudo acontece em meio à confusão de uma passeata popular, quando do nada aparece o Danilo filho adotivo da sindica reclamando algo que perdeu. Esse encontro vai acabar rendendo ótimas gargalhadas.

Informações Adicionais:

6ª e sábado às 21h, dom. às 19h.

https://www.vaaoteatromg.com.br/

Telefone: 31 3272-7487

  • 3 Anos do Museu Casa Kubitschek

Data: de 09.09.2016 até 11.09.2016

Local: Casa Kubitschek

A Casa mais charmosa da Pampulha está fazendo 3 anos.
Venham comemorar.
Este fim de semana o Museu Casa Kubitschek faz 3 anos e, para comemorar esta data, uma programação muito especial.
Dia 09/09 a partir das 17h – Show com Duo Mano a Mano
O duo formado pelo pianista Marcelo Magalhães Pinto e o saxofonista Bernardo Fabris apresenta composições próprias, clássicos da MPB, Jazz , releituras e música erudita em geral, sempre enfatizando a interação dos músicos através da improvisação.
Dia 10/09 a partir das 14h – Contação de Histórias e espetáculo de dança
14h – “Feirinha de Histórias”: cantarolando a origem das frutas brasileiras” propõe apresentações dinâmicas e interativas: contos da tradição oral, fabulosos e contos de origem sobre as frutas do Brasil são narrados por Jhê Delacroix com trilha sonora executada ao vivo por Eduardo Pinheiro. Por fim o público é convidado a saborear o cenário do espetáculo (frutas) num piquenique coletivo.
16h – Movimentos Regional e Urbano
Composição cênica construída especialmente para um local pré-definido, observando-se nele suas possibilidades estruturais e de interação artística. Distintos locais da cidade são contemplados para receber uma intervenção de dança das artistas Cibele Maia e Luciana Lanza, em que uma interferência espontânea se estabelece, utilizando o que o local – e a presença do público – oferecem como fio condutor da proposta cênica.
Dia 11/09 a partir das 15h30 – Apresentação do Festival Internacional de Corais
Ars Nova-Coral da UFMG
Camerata Lux
Coral Adorai
Coral Cantares
Coral Cantores de Jesus
Coral da Terceira Idade Lia Viana
Coral do Ministério Público de Minas Gerais
Coral St. Jude
VOZICAL – Vozes do Instituto Cultural Ad Libitum

https://www.bhfazcultura.pbh.gov.br/

Telefone: 31 3277-1586

Entrada Franca

  • Narciso deu um grito

Data: 09.09.2016 – 12:00

Local: Teatro da Assembleia

Prestes a lançar seu aguardado primeiro disco, Marcelo Veronez apresenta um espetáculo visual de grande teatralidade, com repertório composto por músicas inéditas e releituras.
Narciso deu um grito reúne composições de Milena Torres, Di Souza, LG Lopes, Gonzaguinha e Marku Ribas, entre outros grandes nomes da Música Popular Brasileira (MPB).

https://www.almg.gov.br/

Telefone: 31 2108-7826

  • Show QuinTao

Data: 09.09.2016 – 20:30

Local: Teatro da Assembleia

O show incita o público a se levantar da cadeira, dançar e cantar, como se estivessem em um aconchegante quintal. O espetáculo apresenta músicas do CD “QuinTao” com canções híbridas, misturando elementos da música latina, MPB, regional e pop. Direção de Ricardo Ulpiano. Com Ricardo Ulpiano, Léo dias, Larissa Horta, Thiago e Thiago Peixoto.

https://www.almg.gov.br/

Telefone: 31 2108-7826

Circense: Circo, Riso e Poesia

Data: 10.09.2016 – 09:30

Local: Parque Ecológico do Bairro Caiçara

O espetáculo Circense: Circo, Riso e Poesia” foi concebido para fazer o elo entre o circo tradicional e contemporâneo, o que representa a celebração da história da família Monteiro e a renovação da arte circense que vai manter viva a fascinação que brilhou os olhos das crianças e adultos do passado e assim, preservar o encanto para atrair muitas e muitas gerações.

https://www.facebook.com/oespetaculonaopodeparar2016/timeline

Telefone: 31 98648-4231 (WhatsApp)

  • Encontro de Colecionadores de Miniaturas de Carros

Data: 10.09.2016 – 14:00

Local: Xico da Carne – Cidade Nova

Além dos carrinhos personalizados, o público poderá conferir cerca de 2500 miniaturas de diversas marcas, modelos e épocas. Haverá desde os tradicionais Ferrari e Lamborghini, passando pelos carros de Fórmula 1, Fuscas, Cadilacs e Mercury, entre outros. Pequenos caminhões, carros de bombeiro, tratores, motocicletas e até cenários também estarão expostos.

https://www.xicodacarne.com.br/

Telefone: 31 3484-0038

Entrada Franca

  • Novos Baianos

Data: 10.09.2016

Local: BH Hall

A última vez que os Novos Baianos se apresentaram com a presença do quinteto da formação original – Moraes Moreira, Baby do Brasil, Pepeu Gomes, Paulinho Boca de Cantor e Luiz Galvão – foi em 1999, quando a banda encerrou a turnê do disco duplo ao vivo Infinito Circular (1997). Em 2009, eles voltaram a tocar juntos, na Virada Cultural de São Paulo, porém sem a presença de Moraes Moreira.

https://premier.ticketsforfun.com.br/

Telefone: 31 4003-5588

  • Cine Sesc – Mulheres Protagonistas

Data: de 10.09.2016 até 01.10.2016

Local: Sesc Venda Nova

O ciclo Mulheres protagonistas nos presenteia em um momento oportuno. Estamos nas pautas de discussões, muitas vezes acaloradas, sobre o papel da mulher na sociedade. Mas este não era um assunto esgotado? Já não havíamos superado as questões de empoderamento e protagonismo social, ocupação no mercado de trabalho, afetividade e sexualidade, maternidade? Provavelmente ainda tenhamos que refletir sobre esta visível ferida aberta.
O catálogo traz filmes de mulheres que se colocam a caminho e tomam as decisões sobre suas próprias vidas. Com Lulu acompanhamos a jornada da mulher para retomar sua singularidade depois de uma vida inteira dedicada à família. Da mesma forma que nos divertimos e comovemos com os sufocos enfrentados por Frances Ha e Jasmine, também podemos viajar com Clarice numa fábula misteriosa pelo universo feminino em diferentes fases da vida.

Informações Adicionais:

Todos os sábados às 15h.

https://www.sescmg.com.br/

Telefone: 31 3270-8100

Entrada Franca

  • Marisa Monte

Data: 10.09.2016 – 15:30

Local: Inhotim

Em um show que celebra a primeira década do Inhotim, Marisa Monte apresenta um repertório com canções representativas de sua carreira.

https://www.inhotim.org.br/

Telefone: 31 3571-9700

  • Sarau do Memorial – Cantando e Contando a História do Samba

Data: 11.09.2016 – 11:30

Local: Memorial Minas Gerais Vale

Por meio do projeto Resenhas Pretas no Memorial, o Casarão das Artes realizará o Sarau Cantando e Contando a História do Samba, projeto idealizado por Elzelina Dóris e que promove o desenvolvimento e o fortalecimento da identidade de crianças e adolescentes que vivem em situação de vulnerabilidade social e cultural no ambiente escolar e em outros. Na ocasião será lançada a quarta edição da revista Canjerê, editada pelo Casarão das Artes.

https://www.memorialvale.com.br/

Telefone: 31 3308-4000

Entrada Franca

  • Vegnik

Data: 11.09.2016 – 11:00

Local: Parque Municipal das Mangabeiras

O amado Parque das Mangabeiras recebe, neste domingo, um piquenique com muita saúde e amor pelos bichinhos! A 18° edição do Vegnik promete encher o parque de comidinhas saudáveis, além de integrar todos os participantes do evento, ensinando várias formas de ser vegano. O rolê acontece em frente ao viveiro de mudas.
No Vegnik a regra é simples: Todos os participantes devem levar somente comidas veganas, e se você não souber muito bem o que é isso, leve uma frutinha e lá eles te explicam tudo certinho! A finalidade do passeio é integrar e expandir a cultura da não crueldade animal.

https://www.facebook.com/events/1001440009976701/

Telefone: 31 3277-9244/3277-9697

Entrada Franca

  • Lili & Cia

Data: 10.09.2016 – 21:00

Local: Teatro Bradesco

“Lili” faz de conta que é protagonista de um programa infantil onde ela conta histórias, canta, ensina brincadeiras para o público e apresenta seus amiguinhos: Hugo (ursinho de pelúcia) Tamires (boneca amassada) com quem vive às turras, entre outros. Lili também recebe sua coleguinha Mauara (personagem de Darwin Demarch) garota de 11 anos superdesenvolvida que sofre bullying na escola e juntas lançam uma série de produtos anti bullying, como o “Despacho Kids”.

https://teatrobradescobh.com.br/

Telefone: 31 3516-1360

 

 

 

Há exatos 24 dias do pleito eleitoral que irá eleger o novo prefeito da cidade de Belo Horizonte, as campanhas eleitorais sofreram mudanças na sua forma de divulgação e realização. Por meio de leis e resoluções, as mudanças foram divulgadas pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais, TRE/MG. Nele, além das alterações para a realização dos tradicionais comícios existem proibições para diferentes formatos de publicidade como, o telemarketing, outdoor e adereços e acessórios como camisetas, bonés e chaveiros.

Outras mudanças ocorreram, por exemplo, na realização de comícios, e propagandas realizadas pela internet. Nas hipóteses das divulgações realizadas por meios virtuais, “não pode ser impulsionada por mecanismos ou serviços que, mediante remuneração paga aos provedores de serviços, potencializem o alcance e a divulgação da informação para atingir usuários que, normalmente, não teriam acesso ao seu conteúdo”, conforme consta no documento.

Além da divulgação daquilo que “pode e não pode”, o TRE/MG também divulgou um canal para a realização de denúncias. Por meio de um formulário eletrônico, o eleitor poderá denunciar os candidatos e suas respectivas campanhas que não estiverem de acordo com as novas regras eleitorais.

O inteiro teor das novas recomendações, bem como as denúncias realizadas pelos eleitores, podem ser encontrados no seguinte endereço eletrônico:

https://www.tre-mg.jus.br/eleicoes/eleicoes-2016-1/propaganda-eleitoral-pode-x-nao-pode.

Reportagem: Lucas D’Ambrosio

Arte Gráfica: Isabela Castro

Foto Ana Paula Tinoco

A proposta de reajuste salarial apresentada pela Federação Nacional de Bancos, a Fenaban, no último dia 29, que previa um reajuste de 6,5% e abono de R$ 3 mil não foi aceita pelos profissionais. Segundo o Sindicato dos Bancários de Belo Horizonte e Região o plano não garante um aumento real dos salários e, sim, reduz o valor em 2,8%.

Os bancos, segundo a Consultoria Economatica, é o setor que mais obteve lucro no primeiro trimestre de 2016. Com o crescimento de 6,2% nas receitas com prestação de serviços e tarifas, eles atingiram a marca de R$ 26,582 bilhões. Diante dos lucros bilionários, bancários e bancárias de todo o Brasil entraram em greve e irão às ruas para reivindicar seus direitos e garantir aqueles já conquistados. Até o fechamento da matéria a Fenaban não se manifestou a respeito dos dados da consultoria sobre o lucro dos bancos e sobre uma eventual contraproposta.

De acordo com o Sindicato dos Bancários, os bancos não sofreram com a crise, obtendo lucros que apenas nos seis primeiros meses desse ano chegaram a soma de R$ 29,96 bilhões, além de aumentar as taxas de juros dos clientes em 71,5% em um período de 12 meses, recebendo 318,4% apenas do cheque especial, ou seja, o ajuste oferecido está abaixo da inflação dos bancários. “Não podemos aceitar que os bancos, que continuam tendo lucros bilionários, usem o argumento da crise para retirar direitos dos trabalhadores. ”, defende Eliana Brasil.

Sobre o abono o Sindicato explica que ele não é um aumento real, e sim, uma manobra para que a longo prazo os trabalhadores terão menos poder de compra e um maior volume de dinheiro nos cofres dos banqueiros. Já que com a inflação a perda de 2,8% para repor salários não é incorporada ao FGTS, aposentadoria ou 13º salário.

Por Ana Paula Tinoco

0 570
Foto Divulgação
  • Nego Do Borel e Dilsinho
    Data: 02.09.2016 – 22:00
    Local: City Hall
    No repertório de Nego do Borel estão músicas como “Janela aberta” e “Não me deixe sozinho”.
    https://www.facebook.com/cityhallbh/
    Telefone: 31 2514-0007
    Tribo Jah
    Data: 02.09.2016 – 22:00
    Local: Granfinos
    Em comemoração aos 30 anos da Sion Produções e Eventos, nada mais oportuno do que convidar a BANDA TRIBO DE JAH para o show da turnê de 30 anos da banda.
    https://www.sympla.com.br/
    Telefone: 31 3241-1482/3241-6127
  • MIBH – Mostra de Intérpretes de BH

Salve, Caymmi!

A homenagem vai do dia 3 de setembro até 6 de outubro. Valorizando a figura de Caymmi, nesta           primeira edição músicos de diferentes vertentes da cena musical belo-horizontina trazem, para             o palco versatilidade de interpretação, oferecendo ao público espetáculos inéditos a preços                   populares. Entre as atrações estão Baianas Ozadas, Diza Franco, Mauro Zockratto, entre outros.

03 de setembro às 16h – Parque ecológico Lagoa do Nado

08 de setembro às 21h – Teatro Alterosa

22 de setembro às 21h – Teatro Alterosa

06 de outubro às 21h – Teatro Alterosa

  • O Autofalante

    Data: de 03.09.2016 até 04.09.2016
    Local: Grande Teatro – Palácio das Artes
    O renomado artista Pedro Cardoso volta a Belo Horizonte para curta exibição do espetáculo O Autofalante.
    O espetáculo foi escrito e encenado pela primeira vez em 1993, há 23 anos. O monólogo de Pedro Cardoso aborda um surto identitário provocado, não apenas pelo estado de sofrimento em que se encontra o personagem (perdeu seu emprego, sua mulher, a mobília, e seu telefone não funciona), mas também por determinados tipos contemporâneos de comunicação em que nos encontramos constantemente alijados do convívio humano.
    Informações Adicionais:
    Sáb. às 21h, dom. às 19h.
    https://fcs.mg.gov.br/
    Telefone: 31 3236-7400

  • Muito Prazer

    Data: 03.09.2016
    Local: Juçara Costa Espaço de Arte
    Você já deve saber que o Dia do Sexo é comemorado em seis de setembro. Para te ajudar a entrar no clima, o evento “Muito Prazer” tem como proposta levar temas da sexualidade para o público feminino e masculino, por intermédio de palestras e vivências com profissionais conceituados na área.
    Além disso, você encontrará exposição e venda de produtos eróticos.
    https://bit.ly/muito_prazer

  • Museu dos Brinquedos – Setembro em clima dos Anos 80

    Data: de 03.09.2016 até 24.09.2016
    Local: Museu dos Brinquedos
    -10h às 17h: exposição histórica e Anos 80, brinquedos e brincadeiras no pátio, cantinho Anos 80 para brincar e sala de leitura.
    -15h30: Oficina de Brinquedo 03/09 – sábado: Agarradinho
    -07/09 – feriado: Mimeógrafo e Carta na Máquina de Escrever
    -10/09 – sábado: Abre e Fecha
    -17/09 – sábado: Boneca de Papel e pirocóptero
    -24/09 – sábado: Vai e Vem
    16h15: Brincadeiras no pátio
    Informações Adicionais:
    Sábados e feriados de setembro.
    https://www.facebook.com/museudosbrinquedos
    Telefone: 31 3261-3992

  • Feirinha Aproxima

    Data: de 03.09.2016 – 10:00 até 03.09.2016 – 17:00
    Local: Casa Fiat de Cultura
    A Feirinha Aproxima oferece aos amantes da boa culinária a opção provar várias delícias mineiras. O evento itinerante leva para vários espaços da cidade uma mistura de cheiros, temperos e sabores, reunindo produtores e ingredientes diversos.
    Serão vários restaurantes e produtores expondo seus produtos, como queijos, frutas, orgânicos, quitandas, temperos, cachaça e muito mais!
    https://www.projetoaproxima.com.br/feirinha-aproxima
    Telefone: 31 3289-8920
    Entrada Franca
    Realização: Eduardo Maya

  • Música de Corpo e Voz

    Data: 03.09.2016 – 09:00
    Local: Centro Cultural Venda Nova (CCVN)
    O próximo mês de setembro será marcado por uma série de quatro apresentações musicais do “Casa Voz Grupo Vocal’’. Os shows têm classificação livre e fazem parte do Projeto Circulação do Show ‘’Música de Corpo e Voz’’, aprovado no edital Descentra Cultura da FMC\PBH, por intermédio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura.
    Informações Adicionais:
    Haverá arrecadação de doações voluntárias de alimentos não perecíveis, roupas e artigos de higiene pessoal nos locais e datas dos shows. Tudo o que for arrecadado será doado a uma instituição de caridade daquela respectiva regional.
    https://www.facebook.com/casavoz.grupovocal

  • Ramones Rock Fest: Richie Ramone

    Data: 03.09.2016 – 19:30
    Local: Mercado Distrital do Cruzeiro
    O festival apresenta as bandas belohorizontinas Evil Matchers e Dukie. De Uberlândia recebe a banda Dillinger, tendo como convidados especiais os cariocas da gema Gabriel Tomaz e Erika Martins, do Autoramas.
    E para encerrar a noite, ninguém menos que uma das lendas vivas do punk rock, o baterista e vocalista, Richie Ramone com sua banda novayorquina, formada por Ron Simmons (guitarra/vocal), Clare Misstake (baixo/vocal) e Ben Reagan (guitarra/bateria)
    Richie foi o baterista dos Ramones de 1983, quando assumiu o lugar de Marky Ramone, a 1987, quando saiu para a volta do mesmo. Com o grupo, gravou três discos. O primeiro deles foi Too Tough to Die (1984), que tem, entre outras, Mama’s Boy, Howling at the Moon e a música que dá nome ao trabalho.
    O segundo foi Animal Boy (1986). Neste disco estão Somebody Put Something In My Drink, Bonzo Goes To Bitburg e Something To Believe In. E ele ainda está em Halfway to Sanity (1987), com I Wanna Live e a faixa bônus Spider-Man. Richie, que chega ao Brasil para promover seu mais novo disco, Cellophane, toca bateria e canta na turnê e é acompanhado por Alex Kane (guitarra/vocal), Clare Misstake (baixo/vocal) e Ben Reagan (guitarra/bateria).
    https://www.facebook.com/ODistrital
    Telefone: 31 3284-0709

  • Fernanda Takai

    Data: 03.09.2016 – 18:30
    Local: Inhotim
    O Inhotim vai ser palco para a gravação do DVD de Fernanda Takai. O show promete novidades, um projeto visual refinado e boas surpresas. A espinha dorsal do DVD será o repertório da turnê “Na Medida do Impossível”. Estão no set list canções em que a cantora divide a autoria com parceiros, como Pitty, Marcelo Bonfá, Marina Lima e Climério Ferreira. Sucessos nacionais regravados no disco também fazem parte do show, como “A Pobreza”, de Renato Barros, e “Como Dizia o Mestre”, de Benito di Paula.
    https://www.inhotim.org.br/
    Telefone: 31 3571-9700
    4º Encontro de carros antigos
    Data: 04.09.2016 – 09:00
    Local: Parque Municipal Fazenda Lagoa do Nado

Fotografia: Lucas D'Ambrosio

Um dos avanços da legislação brasileira foi a alteração, no ano de 2014, do artigo 243 da Constituição do Brasil.  Depois de 15 anos tramitando no Congresso Nacional, a alteração permitiu a expropriação das terras, rurais ou urbanas, em que forem constatada a presença de trabalho escravo ou análogo, no território nacional. Em 2013, o Senador Romero Jucá (PMDB-RR) apresentou o Projeto de Lei do Senado (PLS) nº432/2013 que pretende alterar aquilo que é considerado “trabalho escravo moderno”, deixando de considerar, no caso, o trabalho em que as pessoas são submetidas à jornadas exaustivas ou à situações degradantes.

Amanhã, dia 02, a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) irá realizar, por meio da Clínica de Trabalho Escravo e Tráfico de Pessoas, uma audiência pública para debater a proposta de lei, que atualmente, possui a relatoria do Senado Paulo Paim (PT-RS) e está em trâmite no Congresso. Os debates serão realizados no prédio de Direito da UFMG, à partir das 14h e contará com a presença do senador.  

A Clínica

Carlos Haddad, professor da Faculdade de Direito da UFMG e Juiz Federal, 43, realizou sua pós-graduação em direito no estado de Michigan, EUA. Em 2014, ele teve contato com a clínica Human Trafficking Clinic, que faz parte da Clinnect, uma rede universal de prestação em assistência jurídica às vítimas de trabalho escravo e de tráfico de pessoas.

Alunos participam de aula da Clínica de Trabalho Escravo e Tráfico de Pessoas, no curso de Direito da UFMG. Fotografia: Lucas D’Ambrosio

Foi proposto a ele que se aplicasse o mesmo modelo, aqui no Brasil. “É uma forma de lidar com uma situação que às vezes tem repercussão internacional: o tráfico internacional de pessoas. Isso, de maneira mais cooperativa e organizada entre diversas entidades e em vários países”, comenta Haddad que aceitou o convite e trouxe a proposta para a UFMG, se aliando à instituições de países que já possuem o projeto como, Colômbia, México e Etiópia

O Funcionamento

Por meio de uma parceria com o Ministério do Trabalho e Emprego e com o Ministério Público do Trabalho, as atividades tiveram início em março de 2015. Com a iniciativa do professor Carlos Haddad, ao lado da também professora da UFMG, Lívia Miraglia, que atuam como coordenadores, o trabalho é realizado com o auxílio de advogadas que são colaboradoras e alunos que trabalham como estagiários e viabilizam a realização do projeto.

A clínica é estabelecida pelo tripé básico da educação pública superior: o ensino, a pesquisa e a extensão. De acordo com a professora Miraglia, cada um desses requisitos são observados e cumpridos atentamente no funcionamento da clínica.No processo de pesquisa, atualmente, analisamos todos os autos de infração que nos são fornecidos pelo Ministério Público do Estado (MPE) e Ministério Público do Trabalho  (MPT ). Nos últimos 10 anos, nossa análise parte desses autos para podermos identificar quais deles se tornaram, de fato, ações trabalhistas, quais se tornaram ações penais e em quais tiveram condenação.”, explica.

A professora de Direito do Trabalho, Lívia Miraglia é coordenadora da Clínica de Trabalho Escravo e Tráfico de Pessoas, da UFMG. Fotografia: Lucas D’Ambrosio

Outro aspecto observado é o ensino. Há uma disciplina específica que é ofertada aos alunos que demonstram interesse em participar da clínica. “É uma matéria optativa. Nessa aula ensinamos procedimentos básicos de atendimento e tratamento ao público, ensinamos a produção de peças processuais e tudo aquilo que os advogados precisam saber para prestarem atendimento externo.”, ressaltando a importância de ensinar aos alunos o tratamento e atendimento ao público.

Desse ponto, o último aspecto tratado é a extensão, “Ofertamos atendimento ao público, fazendo com que os alunos sejam os protagonistas. Proporcionamos a eles contato com demandas reais. Já realizamos entre 15 a 20 atendimentos durante esse período. É preciso, além do atendimento, compreender a demanda e realizar os encaminhamentos específicos, para cada um dos casos.”, finaliza Lívia Miraglia.  

Experiência para os alunos

Rayhanna Fernandes Souza Oliveira, recém-formada no curso, é uma das participantes da  clínica. Seu interesse em participar surgiu em 2015, quando ela já estava interessada no temas trabalhados em sala de aula pelos professores e coordenadores, Carlos Haddad e Lívia Miraglia. Foi aberto um edital para novos membros e seu ingresso se deu por meio de prova e entrevista.

Para ela, é importante o estudante atuar em atividades de extensão, principalmente, voltado para o tema do trabalho escravo e tráfico de pessoas. “Os estagiários trabalham nos três projetos concomitantemente, na pesquisa, ensino e extensão. Isso nos faz crescer , não só para lidar com as pessoas lá fora, mas também aqui, como integrantes da clínica”.

Rayhanna Oliveira, recém formada do curso de Direito da UFMG é integrante do corpo de estagiários que presta atendimento às vítimas de trabalho escravo. Fotografia: Lucas D’Ambrosio

O atendimento, que é aberto ao público, é realizado no 14º andar do prédio da pós graduação de Direito da UFMG, todas as segundas e  sextas-feiras, de 11h as 16:30h. Dois estagiários ficam à disposição, um auxiliando o outro, com as demandas solicitadas. A estudante, ainda ressalta, a importância do trabalho de campo no processo de aprendizagem e orientação às solicitações, “os nossos coordenadores sempre incentivam para irmos à campo vivenciar, não apenas visualmente, mas também de forma direta os problemas enfrentados por aqueles que têm os seus direitos violados”, finaliza.

PLS432/2013

O significado jurídico para trabalho escravo está presente no artigo 149 do código penal e prevê a submissão do trabalhador a trabalhos forçados, à servidão por dívidas, jornadas exaustivas ou à condições degradantes. Ainda, de acordo com a professora Miraglia, o PLS 432/2013 é específico para regulamentar a modificação que houve, ainda em 2014, do artigo 243 da Constituição.

O artigo, que trata da expropriação de terra, sofreu uma alteração que foi considerada um avanço jurídico. “Ele tem um detalhe, uma vírgula, que é: trabalho escravo, sendo ele em termos da lei. Este detalhe impossibilita a aplicação desse dispositivo, pois aguarda a sua regulamentação.”

Ainda sobre as alterações, Miraglia explica a função da audiência pública. “Vamos discutir se essa regulamentação é necessária pois temos o artigo 149 no código penal que define o que é trabalho escravo e temos a lei específica de ritos de expropriação de terra. Este projeto de lei exclui do conceito de trabalho escravo a jornada exaustiva e as condições degradantes. Sendo que esses critérios, são os que mais dão causa às demandas e denúncias de trabalho escravo no Brasil.”, analisa.

Para o professor Carlos Haddad, a grande questão é lidar com a disputa de interesses, que envolve algumas vezes grandes empresas, que possuem a concentração de capital, em confronto com o trabalhador. “É muito difícil, porque a tendência hoje, em nosso capitalismo sem fronteiras é alcançar o máximo de lucro ao menor custo e, às vezes, essa redução de custo se faz pela supressão de alguns direitos dos trabalhadores”, enfatiza Haddad.

Carlos Haddad, professor da UFMG é o responsável por implementar a Clínica de Trabalho Escravo e Tráfico de Pessoas no Brasil. Fotografia: Lucas D’Ambrosio

Para ele, para tornar o assunto conhecido, a presença de campanhas públicas e educativas é importante, sobretudo em escolas, a fim de mostrar para as novas gerações os males de uma exploração abusiva da força de trabalho.

A audiência pública, irá ocorrer na sexta-feira, dia 03 de setembro, à partir das 14h no auditório Maximum Alberto Deodato do prédio do curso de Direito da UFMG, avenida Álvares Cabra, 211, Centro de Belo Horizonte.

Reportagem: Isabela de Assis – Estudante do curso curso de Jornalismo UNA-ICA / Lucas D’Ambrosio

Fotografias: Lucas D’Ambrosio

0 539

Os Trending Topics, categoria que reúne os assuntos mais comentados do Twitter, voltou-se para a política após o anúncio do impeachment da ex presidenta Dilma Rousseff e a nomeação do novo presidente Michel Temer.  As Hastags #ImpeachmentDay e  #ForaTemer lideram a lista na tarde desta quarta-feira, 31, ao lado de “Tchau Querida” e “Golpe Day”.

Usuários anônimos e conhecidos, como a própria Dilma, Jair Bolsonaro, Aécio Neves e Luciana Genro se manifestaram por meio da internet, veja:

dilma ESSE haha

cherador 14080017_10209728641273939_1217225491636131612_n

Impeachment

Após passar por sete votações, o processo de impeachment da ex presidenta Dilma Rousseff chegou a reta final hoje, 31, após ser aprovado pelo senado com 61 votos favoráveis a sua saída e 20 contra. O processo se deu em torno da acusação de crime de responsabilidade fiscal, mais conhecido como “pedaladas ficais”.

Por: Bruna Dias