Rádio

Na manhã desta quinta-feira a Praça da Liberdade serviu como estudio para a transmissão da programação matinal da rádio Band News. A rádio que esse ano comemora 5 anos criou o projeto aniversário, para divulgar essa comemoração. Projeto onde realizam transmissões ao vivo das capitais onde tem o sinal da rádio. Passando em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, hoje desembarcaram em Belo Horizonte, para mostrar para seus ouvintes um pouco de como acontece no universo por trás da voz que invade todos os dias os rádios. A grande atração foi à presença do Jornalista Ricardo Boechat. Considerado um dos jornalistas mais bem informados do país, Boechat foi recepcionado pelos mineiros e ouvintes do seu programa diário na Band News com muito carinho e presentes, de cachaças a livros bíblicos e finalmente uma bíblia. Visivelmente satisfeito com a receptividade do público mineiro, o jornalista e radialista, esbanjou simpatia e carisma, atendendo a todos que pediam autógrafos e fotos. A Tv Band Minas também transmitiu ao vivo algumas imagens da população que se aglomerava na Praça.

A comemoração contou com a presença de grande parte do elenco de radialista da Band News de Belo Horizonte, entre eles estava à apresentadora e agora radialista Roberta Zampetti. Questionamos como é soltar a voz todos os dias na rádio, sendo que sempre foi apresentadora do programa Brasil das Gerais na Televisão.  “A primeira vista pensei em não aceitar, achava que seria um enorme desafio, mas depois pensei que uma oportunidade dessas rejuvenesce a vida profissional”, explica a Jornalista.

Após o encerramento do programa apresentado por Boechat, foi cantado um parabéns diante de um bolo que levava a logo marca da rádio, que foi distribuído para as pessoas que acompanhavam a festa. Em entrevista com o Jornalista, discutimos sobre a liberdade do Brasil diante da sua frase: “Um país sem liberdade de opinião é um país sem liberdade. Ponto.”

Categoricamente ele disse que o país tem sim, plena liberdade de expressão, mas claro que com alguns acidentes de percurso. Quando perguntado se para um jornalista ser bem informado ele precisa de boas fontes ou de muita leitura, Boechat diz que o mais certo é tempo. Com ele você conquista boas fontes, que são confiáveis, pois quando tinha 21 anos de carreira, não tinha a metade das fontes que tem hoje com 41 anos. Ao ser perguntando sobre a liberdade de expressão no seus programas de rádio ou de TV, o radialista e apresentador contesta dizendo que “Não, pois são propostas diferentes. O programa de rádio é meu, então falo o que me dá na teia. O programa de televisão é mais informativo e menos opinativo.”

imagem-045

Ouça a entrevista completa:

imagem-063

imagem-042

Por João Marcelo Siqueira
Fotos: João Marcelo Siqueira