Una

0 111

O evento acontecerá no dia 9 de dezembro e será transmitido pelo Youtube com intérprete de libras

*Por: Italo Charles

Elevar a gastronomia para além da cozinha, onde se constroem sonhos e sabores, é transmitir ao apreciador uma parcela de sensações e sentimentos. E, através de conhecimentos adquiridos ao longo da vida e de práticas cultivadas na academia, a paixão e o sonho se unem para tornarem realidade.

Neste âmbito, o GastroUna, um dos principais eventos de gastronomia do Centro Universitário Una celebra a sua 10ª edição. A mostra acadêmica que marca a conclusão do semestre, já foi tema do III Congresso Nacional de Metodologias Inovadoras no Ensino Superior (o GIZ), em 2017, na UFMG. Isso só reforça a vocação deste evento como excelente oportunidade para os alunos se conectarem com o mercado e terem a experiência completa da criação de um empreendimento, desde a sua idealização, os custos, estratégias de marketing, planejamento, cardápio até sua abertura.

Marcado para o dia 9 de dezembro a partir das 8h30, o evento será transmitido pelo Youtube com intérprete de libras para todo mundo. Desta vez, com base em um olhar diferenciado e com foco no cenário atual levando em conta a visão empreendedora, a inovação e sustentabilidade, os grupos apresentarão aos espectadores as propostas de empreendimentos.

A novidade que a edição comemorativa do GastroUna traz é a divulgação do E-book produzido pelo UnaCom (Agência experimental de comunicação), com receitas referentes aos cardápios dos grupos participantes. 

Para a professora do Centro Universitário Una e idealizadora do GastroUna, Rosilene Campolina, a segunda edição virtual da mostra, traz ao público a valorização e reinvenção da gastronomia em tempos como este. “Mesmo com as dificuldades da pandemia que estamos vivendo, os alunos mostraram persistência e dinamismo, visto que é possível desenvolver projetos baseados em propósitos e sonhos. E, eles se adaptaram de forma inovadora, nas ideias e na construção dos trabalhos, o que reforça a capacidade de profissionais para o mercado que irão atuar na capital eleita como cidade criativa da gastronomia pela Unesco”.

A programação da 10ª edição do GastroUna inclui além da abertura e apresentação conduzida pelo radialista e professor do Centro Universitário Una, Elias Santos, o show da cantora Fabíola Otoni (ex-aluna do curso de gastronomia da Una), e o musicista José Carlos de Souza (mais conhecido como Zé), que culmina a valorização da cultura mineira.

Os trabalhos serão avaliados por jurados que são personalidades importantes para o cenário da gastronomia em Minas Gerais e no exterior, entre eles, estarão:

Ana Gabriela Baeta – Gerente de Marketing e promoção turística da Belotur.

Antônio Terra – Coordenador dos cursos de Gastronomia, Publicidade e Propaganda, Jornalismo, Relações Públicas e Moda da Una.

Darklane Rodrigues Dias – Subsecretária de Segurança Alimentar da Prefeitura de Belo Horizonte.

Eduardo Maya – Gastrônomo, promotor de eventos, Idealizador da Feirinha Aproxima, Festival “Minas é o Mundo” e proprietário da Rede Pitza 1780. 

Márcia NunesHistoriadora, proprietária e administradora do Restaurante Dona Lucinha.

Matheus Daniel – Presidente da Abrasel MG, Administrador, Membro da FGM e Proprietário de vários empreendimentos gastronômicos.

Paulo Rodrigues – Chef da Embaixada Brasileira no México, diretor Acadêmico The Masters Entreprise, diretor da Federacion Latino America de Gastronomia para Centro América e Embaixador de Marcas do Food Service.

Rodrigo Neiva – Vice presidente Acadêmico da Ânima Educação e coordenador da área de Turismo & Hospitalidade.           

Roberta Zampetti – Jornalista, escritora, apresentadora de TV, diretora do programa Sou 60 e idealizadora do programa Brasil das Gerais na Rede Minas. 

*Sobre a professora idealizadora do Gastrouna, Rosilene Campolina:  

Administradora do Portal Gastronômico: www.chefachef.com.br,  Docente no Centro Universitário Una, coordenadora do Projeto LEIA Hortas Urbanas Sustentáveis e Projeto GastroUna, Membro da FGM – Frente da Gastronomia Mineira e FIC – Federazione Italiana Cuochi, Apoiadora da Fundação Casa Sara e Projeto Viva Down, Madrinha do Outubro Rosa na campanha contra ao câncer de mama.

Empreendimentos concorrentes

BANC’s

Integrantes: Ana Luiza Silva Brochado, Bruno Moreira Malta, Fernanda Repollez de Barros, Gleiciele Rodrigues da Silva Rocha, Lucas Fernandes Afonso SIlva, Pedro Augusto Milagre Leão.

A BANC’s – Bebidas Alcoólicas Não Convencionais é um inovador bar por delivery que objetiva levar até o cliente a experiência de finalizar e saborear drinks e petiscos com sabores diferenciados. A BANC’s traz como conceito a perspectiva da sustentabilidade com foco no uso das PANC’s (plantas alimentícias não convencionais), na criação e elaboração dos drinks e petiscos. O nosso delivery traz uma visão empreendedora, trabalhando a logística reversa com embalagens recicláveis e retornáveis, proporcionando ganho econômico e ambiental, tanto para o cliente como para o empreendimento.

CADIM DE MINAS

Integrantes: Alexandre Augusto, Ana Clara Araújo, Dora de Lima Lyra, Júlia Almeida, Murilo Antônio Tavares,Talita Rodrigues Magalhães.

A cafeteria Cadim de Minas, é um lugar onde a cultura e os alimentos se encontram, com um cardápio incrível e eventos culturais mostrando a arte local e regional do estado de Minas Gerais.  

JACI CAFÉ

Integrantes: Ana Julia Porto, Ana Carolina Azeredo, Fabrício Ruzzene, Guilherme Dornelas, Matheus Amaral, Raquel Menezes, Raynara Novais.

Uma cafeteria especializada em brunch, inspirada nos diferentes cafés da manhã das regiões brasileiras. O empreendimento tem como objetivo apresentar ao público o quanto o Brasil é diverso e rico, mostrando realmente o que as pessoas consomem na primeira e mais importante refeição do dia. A Jaci café foca no conceito slow food, trabalhando a ecogastronomia e valorizando a sustentabilidade. O estabelecimento possui uma horta agroecológica onde seus produtos são utilizados no preparo dos pratos. A cafeteria trabalha com o aproveitamento integral dos alimentos (conceito AIA), utilizando a compostagem e reaproveitando a água da chuva para irrigação da horta entre outros usos. Através disso, o Café Jaci favorece a otimização dos seus  produtos e prioriza o KM 0. 

TEMPERO DA SERRA

Integrantes: Breno Marques, Guilherme Righi, Júlio César Cândido, Kerolem Gomes, Luís Felipe, Ryan bonino, Vanessa Grasielly, Victor Dornas.

O Tempero da Serra é um empreendimento gastronômico aos pés da Serra da Moeda, com o legado de usar o máximo de insumos no Km 0, ou seja, insumos locais de pequenos produtores. O restaurante proporá além de uma boa comida, uma experiência em que o cliente possa visitar a horta, almoçar com uma bela vista e ainda observar uma lagoa durante a estada. O espaço dispõe de um cardápio sazonal para que seja possível aproveitar o máximo de sabor e usar da melhor forma os ingredientes.

Programação:

Abertura e apresentação – 9h

BANC’s – 9h30

Cadim de Minas – 10h

Jaci Café – 10h30

Tempero da Serra – 11h

Resultado/Premiação/Encerramento com atração musical da dupla Fabíola e

 José. – 11h30 

Premiação:

A equipe vencedora será agraciada com almoço no restaurante Dona Lucinha e, kits de Cafés Segafredo, Cimsal Flor de Sal, Produtos da Sabará & Sabor e da Vovó Helê/derivados de jabuticaba, Camisetas personalizadas da WA Dolmãs, convites para participação na Feirinha Aproxima e no Arraial de Belo Horizonte e certificados personalizados da Una.

Patrocinadores e Parceiros:

Restaurante Dona Lucinha, Restaurante Alambique & Armazém Jotapê, Cachaça Capim Cheiroso, Cafés Segafredo, Cimsal Flor de Sal, ABRASEL, Belotur, PBH, Emater, Portal Chef a Chef, WA Dolmãs, Vovó Helê/derivados de jabuticaba, Moinho Globo, Farinha Venturelli, Cachaça Capim Cheiroso, Sabor de Fada e FGM – Frente da Gastronomia Mineira. 

A cobertura jornalística será realizada pelo Jornal Contramão, Portal BH Eventos e Portal Gastronômico Chefachef.

O evento conta com o apoio da Fábrica, que é o coletivo do Laboratório de Economia Criativa da Una e do Líder do Núcleo de Gastronomia, Daniel Sucasas. 

Acesse o evento pelo link: bit.ly/gastrouna2020

 

**A matéria foi produzida sob a supervisão da jornalista Daniela Reis

0 128

*Por Bianca Morais

Entre os dias 17 e 19 o  Centro Universitário Una irá promover palestras com o tema Comunicação organizacional: ações e desafios para o futuro. O evento é uma proposta da área de comunicação e artes que nas últimas semanas tem promovido encontros entre os alunos trazendo os desafios reais do mercado de trabalho. Os debates são online e gratuitos.

Uma das principais áreas de atuação de um profissional de Relações Públicas é a comunicação organizacional de uma empresa, principalmente no atual momento de pandemia em que vivemos, essa comunicação tem se mostrado uma das chaves para vencer desafios dentro das companhias. Em um cenário de instabilidade e insegurança, ter esse diálogo entre público externo e interno dentro de uma empresa é fundamental para ela se manter de pé e crescendo.

Pensando nessa proposta foram convidados profissionais destaques na área para compartilhar um pouco de sua vivência.

Abrindo o evento, dia 17, Eduardo Vaz, head de comunicação organizacional e comercial da Cedro Têxtil, abordará junto com Isabela Albertini, estilista da empresa, ações para esse momento de crise.

“Iremos iniciar trazendo um pouco da cultura organizacional de empresas como a Cedro que possui um perfil de colaboradores muito diverso, uma vez que somos quase 3500 funcionários. Apresentar como atuamos e quais os retornos que temos com o trabalho de engajamento e promoção dos colaboradores. Além disso, vamos apresentar dois cases da Cedro que foram reinventados durante a pandemia, quais os desafios e os efeitos positivos que surtiu na empresa com essa adaptação” conta Eduardo.

No dia 18, o evento recebe Viviane Mansi, diretora de Comunicação e Sustentabilidade da Toyota, que apresentará os desafios de trabalhar essa cultura da sustentabilidade na organização. No dia 19, encerrando o evento, Pedro Costa, superintendente de Comunicação da FIEMG, traz sua experiência e desafios de se trabalhar com comunicação em plena pandemia, ações que desenvolvem ganhos para os funcionários e componentes da empresa em Minas Gerais.

Participe! As inscrições para as palestras estão sendo feitas Sympla.

 

 

Edição: Daniela Reis

 

0 89

*Por Bianca Morais

A Clínica Integrada de Atenção à Saúde oferece gratutamente encontros semanais em grupo voltados para condições médicas como: obesidade e sobrepeso, diabetes e hipertensão. Os encontros sãoonlines pelo google meets, sempre às quartas- feiras, 11 horas.

O atendimento é realizado pelos estagiários do curso de Nutrição do Centro Universitário Una, uma prática regulamentada pelo CFN (Conselho Federal de Nutrição). Os estudantes preparam as orientações com antecedência sob a supervisão de um profissional responsável. 

Os grupos operativos funcionam desde 2018 e pela primeira vez acontece online. A dinâmica em grupo permite às pessoas mais liberdade para falar, contar suas experiências, o que funcionou e o que não deu certo, é um verdadeiro bate papo, com linguagem bem simples para que todos possam tirar suas dúvidas. Para aqueles, no entanto, que não se sentem à vontade, também existe a possibilidade do agendamento individual.

Para as nutricionistas Izabela Broom e Junia Drews, responsáveis pela iniciativa, movimentos como esses são de grande importância para quem tem a doença ou a predisposição. De acordo com elas, o indivíduo precisa entender sua condição para que possa se adaptar no dia a dia, evitando dietas que estão na moda e muitas vezes são restritivas e acabam por gerar mais compulsão e problemas de saúde. Quando a pessoa entende sua condição, ela se empodera para fazer melhores escolhas e ter maior adesão ao tratamento.

As inscrições para os grupos estão disponíveis no link

 

*Edição: Daniela Reis

 

 

0 90

Evento será gratuito, totalmente online e acontece entre 09 e 11 de novembro

*Por Italo Charles

Nos dias 09, 10 e 11 de novembro acontecerá a Maratona de Fact-checking: Eleições – Jornalismo, evento 100% on-line promovido pelo Centro Universitário Una. A maratona tem como objetivo debater a problemática das fake news a partir do movimento de checagem nesse período eleitoral, que sabemos ser propício para a circulação de informações falsas. 

Para fomentar as discussões sobre o tema e elevar a troca de saberes entre os participantes, a jornalista Ethel Rudnitzki, da Agência Pública, apresentará no primeiro dia de evento o projeto de checagem Truco, desenvolvido durante as eleições de 2018.

No dia 10, o professor da Una Luiz Lana será o responsável por apresentar ao público o projeto Checkbot, este que está inserido no cenário atual que passa por grande inquietação devido a disseminação de informações falsas na esfera pública.

O fechamento do evento será  através de uma roda de checagem, onde os convidados levarão aos participantes as metodologias de apuração.

 

Programação

Ethel Rudnitzki da Agência Pública fala sobre o projeto de checagem Truco nas eleições 2018

9 de novembro 

Das 18h às 19h

Sobre Ethel Rudnitzki

Formada em jornalismo pela Escola de Comunicações e Artes da USP. Realizou intercâmbio acadêmico na Universidade de Coimbra em Portugal, onde estudou jornalismo com especialização em Estudos Europeus. Trabalhou também como editora e repórter da Revista Viração e do portal Agência Jovem de Notícias, participando de coberturas e eventos internacionais como a Terceira Conferência das Nações Unidas sobre Moradia e Desenvolvimento Urbano Sustentável e a 22ª Conferência das Partes sobre Mudança do Clima. Na Pública, fez parte do Truco – projeto de fact-checking – durante as eleições de 2018, e produz reportagens sobre redes sociais e desinformação.

 

Professor Luiz Lana apresenta o projeto de extensão CheckBot

10 de novembro

Das 18h às 19h

Sobre o projeto CheckBot

Este projeto se insere no contexto atual de intensa preocupação com o impacto da propagação da desinformação na esfera pública e no crescente crédito atribuído às agências de fact-checking como estratégia de enfrentamento das fake news para atestar que, não o bastante a expansão dessas iniciativas no Brasil e a consolidação de uma literatura sobre a temática, há no país uma escassez de mecanismos dedicados a entender e combater as notícias falsas.

 

Rodada de checagem – 11 de novembro – Das 18h às 19h

Após as conversas com os profissionais nos dias 9 e 10, acontecerá uma rodada de checagem.

As inscrições são gratuitas, acesse: bit.ly/Maratona_eleições

 

**Edição: Dani Reis

0 99

*Por Bianca Morais

Entre os dias 3 e 9 de novembro irá acontecer a 7° edição do festival Lumiar, evento organizado pelo curso de cinema e audiovisual do Centro Universitário Una. Esse ano em decorrência da pandemia o festival será totalmente online com transmissão pelo Youtube e Looke. 

O Lumiar começou no ano de 2015, desde então o evento cresceu muito e hoje é um festival interamericano de cinema universitário muito conhecido na América Latina. O evento que geralmente acontece presencialmente no Cine Humberto Mauro, uma parceria do curso com o espaço, em 2020 irá acontecer de forma digital, gratuita, para todos os interessados em cinema no geral.

Esse ano, o festival tem como tema Estado de Contingência, escolhido pelas curadoras do evento Joana Oliveira, Ramayana Lira e Tatiana Carvalho, ele foi pensado devido a esse momento de incertezas que vivemos em 2020.

“Contingência é a dúvida quanto à possibilidade de algo acontecer ou não, aquilo que é possível, porém incerto. Nem necessariamente falsa, nem necessariamente verdadeira, a contingência indica que algo poderia ter sido outra coisa. Viver em Estado de Contingência é estar imersa na incerteza, mas nunca na impossibilidade” explicam as curadoras.

Dentro do festival temos a Mostra Competitiva, um concurso que conta com 23 curtas metragens concorrendo ao prêmio de melhor filme. Estudantes de toda a América Latina enviaram seus projetos através do edital, que deixa livre o gênero, formato e temática. Como finalistas temos filmes do Brasil, México, Peru, Colômbia, Cuba e Argentina. A seleção das produções foi feita através de uma comissão formada por três duplas, de professores e alunos do curso de Cnema, que assistiram a todos os filmes inscritos e selecionaram os melhores. Nas outras edições do evento a votação também contou com o voto do público, as pessoas recebiam uma cédula na entrada e votavam, esse ano por ser online a decisão ficou por conta apenas do júri oficial.

Além da premiação da mostra competitiva, o evento também vai contar com uma programação bem diversificada, incluindo debates, mesas de bate papo e lançamento de livro.

O debate sobre assédio e estruturas de poder na curadoria de festivais acontece na quarta-feira (4), às 18h e contará com a participação das jornalistas Nayara Felizardo e Schirlei Alves, do The Intercept Brasil, as coordenadoras de festivais e curadoras Amaranta César, do CachoeiraDoc  (BA), Ana Siqueira, do Festcurtas BH (MG) e Marilha Naccari, do FAM (SC).

As jornalista do Intercept Brasil prometem falar suas impressões da reportagem sobre o curador e produtor de cinema Gustavo Beck, acusado de abuso sexual por 18 mulheres.

“Eu entendia muito pouco desse mundo de cinema, mas o que ficou evidente para mim depois de fazer, junto com a jornalista Schirlei Alves, cerca de 40 entrevistas, é que o meio do cinema e a forma como são escolhidos os filmes para os festivais não é seguro para a mulher cineasta e produtora. Elas estão muito expostas a abusos e assédios. Suas carreiras muitas dependem disso, e não dos seus talentos, mesmo que eles sejam inquestionáveis” relata Nayara.

Uma convidada muito esperada para o evento é a roteirista e diretora argentina, Clara Picasso. Ela e sua parceira Eugenia Ratcliffe conduzem a Masterclass Desarrollo de Guión (com inscrições prévias) na sexta-feira (6) às 9h30. Uma verdadeira aula para os amantes de cinema, apresentando recursos e técnicas para a escrita de peças (storyline, sinopse, argumento, carta de motivação, proposta estética) que compõem o folder de apresentação de um projeto audiovisual, estabelecendo as diferenças entre os materiais de trabalho e materiais de vendas.

Além disso, Clara também participa de um bate papo sobre o filme La Protagonista, que dirigiu em 2019. Para acompanhá-la, a atriz Rosario Varela. Ambas atividades terão tradução simultânea.

“Me dá muita alegria fazer parte dessa edição do Lumiar e poder compartilhar minha experiência fazendo o bate papo de La Protagonista com os estudantes de cinema. Meu maior desejo é poder incentivar que cada um encontre seu próprio caminho e se anime a levar adiante seus projetos, valorizando sua própria voz. Nesse sentido, a Masterclass que ofereço junto a Eugênia Ratcliffe tem como objetivo trazer ferramentas para montar uma pasta de projeto audiovisual, tanto em material de trabalho e também como material de comunicação”, diz a roteirista.

O festival terá a sessão Filmes no Isolamento, produzidos exclusivamente pelos alunos do curso de Cinema e Audiovisual da Una. Inicialmente o evento aconteceria no mês de maio, porém a programação foi interrompida por conta da pandemia. Todos os filmes que estão na Mostra Competitiva são de 2019 e 2020 e foram recebidos pelo Júri até fevereiro, por isso, eles não retratam a situação de isolamento.

Quando a produção do Lumiar voltou em agosto, sentiu-se a necessidade de falar desse momento em que vivemos. Um edital especial foi aberto para os alunos enviarem suas produções feitas nesse tempo. Foram selecionados seis filmes para a exibição.

A programação completa do Lumiar está disponível no site una.br/lumairfestival

*Edição: Daniela Reis