Danças Urbanas como redução de danos

Danças Urbanas como redução de danos

0 738
Foto: Pablo Bernardo/Divulgação

Por Hellen Santos

Morador desde da infância da Vila Marçola, no aglomerado da Serra na região Centro-Sul de Belo Horizonte, Wallison Culu dançarino profissional a mais de quinze anos. Conhecido na comunidade por suas parcerias com várias associações e projetos Culturais do Serra em combate a redução da criminalidade com proliferação de cultura e dança, e também por levar o nome da comunidade para vários lugares no território mineiro com seu grupo de dança.

Com um sobrenome artístico bem diferente adotado por um apelido dado pela avó ainda na infância, Culu vem fazendo o seu nome de sua comunidade crescer fora de Belo Horizonte, por seus vários espetáculos teatrais. Em seu currículo ele já está na sua sétima peça “Pai contra mãe”, espetáculo todo produzido com interpretação em ritmo da Dança urbana. O espetáculo é baseado em um conto de Machado de Assis e é feito pelos artistas da Cia. Fusion.

Para estimular a comunidade, Culu está organizando no dia 20 de agosto a primeira edição do projeto “Danças Urbanas Quebrada”. No evento será ministrado algumas oficinas de danças abertas para o público no período da manhã. Na parte da tarde ocorrerá a batalha de danças com inscritos e alguns grupos convidados. O melhor desempenho terá premiação. Danças Urbanas Quebradas serão realizadas na Escola Municipal Senador Levindo Coelho, na Rua Caraça, 910 no Bairro Serra, perto da porta do Parque Mangabeiras.

“A arte está para todos, mais nem todos a consomem”

Para mais informações entrar em contato no e-mail: wallisonculu@hotmail.com

NO COMMENTS

Deixe uma resposta