Eleições: os dois lados

Eleições: os dois lados

Emprego temporário nas Eleições

As propagandas eleitorais movimentam os cruzamentos e semáforos da região centro-sul da capital. Com a aproximação das eleições, os políticos investem e apostam nas campanhas por meio de publicidade nas ruas. Foi o caso do deputado federal Rodrigo de Castro que contratou mais de 20 jovens para realizar panfletagem e “bandeirada” (balançar bandeiras do candidato) em pontos estratégicos da capital.

O estudante Lucas Vieira, 17, conta que descobriu o emprego temporário por uma amiga. “O deputado é morador do bairro Nova Cintra, onde mora grande parte do pessoal que está aqui. Então ele chamou a gente para trabalhar com ele.”, conta Vieira. O trabalho começou a cerca de 20 dias e perdurará por mais 2 meses, sendo uma jornada de 6 horas por dia que rende em média R$ 400,00 por mês. “Nós não somos fixos em nenhum lugar. Hoje estamos aqui na Savassi, mas semana que vem podemos estar em outro bairro”, conta o estudante.

dsc_0132

O outro lado da história – Poluição visual e sonora

Com as novas tecnologias os candidatos as eleições 2010 ainda aderem à moda antiga, distribuem materiais publicitários, como fly’s e adesivos pelas ruas da capital.

Em vias como a Avenida João Pinheiro, no bairro de Lourdes, encontram-se faixas, placas, cartazes e bandeiras com a imagem e nome dos respectivos candidatos. Além, da grande quantidade de fly’s jogados pelo chão, o que desfigura a imagem da cidade. Seguindo o percurso da avenida deparamos com o rosto de candidatos do PTdoB e do PT em pelo menos 8 placas.

Além da poluição visual das vias publicas ainda existem os candidatos que aderiram à poluição sonora, hora e meia passa carros de som com canções como “é 1311, é… garra e atitude é Gabriel Guimarães (…) vem você também (…) deputado federal…”

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas (TER) é responsável pela campanha “Sujeira não é Legal”. Essa campanha tem como o intuito evitar as irregularidades dos candidatos com as propagandas. E este ano estão mais rígidos, para punir quem desrespeitar as regras.

No site da campanha os candidatos podem encontrar as orientações de como fazer sua propaganda limpa.

Por Ana Paula Sandim, Débora Gomes, João Marcelo Siqueira
Fotos Débora Gomes

SIMILAR ARTICLES

NO COMMENTS

Leave a Reply