Exposição de ex-alunos do pintor Guignard marca os 50 anos do BDMG

Exposição de ex-alunos do pintor Guignard marca os 50 anos do BDMG

A mostra Ver e voltar a ver: a cidade dos alunos do mestre Guignard faz parte das comemorações dos 50 anos do BDMG. As obras compõem o acervo da exposição À Cidade e o Artista – Dois Centenários, produzida por 26 ex-alunos do pintor Alberto da Veiga Guignard, em 1995. Naquele ano o projeto foi criado para homenagear o centenário do pintor e da cidade de Belo Horizonte. “Pensamos em chamar alunos do Guignard que ainda estivessem em atividade e então, pedimos a eles que pintassem Belo Horizonte como eles enxergavam na época”, explica a diretora do BDMG cultural em 1996 e curadora da exposição, Marília Salgado.

Segundo a curadora está exposição foi marcante por relembrar acontecimentos de Belo horizontes em épocas passadas. “Foi muito prazeroso para o público ver aquela exposição, foi interessante ver também que, mesmo os artistas tendo o mesmo professor, tinham formas de se expressar bem diferentes”, comenta.

Chanina – Festa em BH – Eduardo Eckenfels
Álvaro Apocalypse – Homenagem ao Bom Gavino – Eduardo Eckenfels

Percussor da arte moderna em Belo Horizonte Guignard teve papel importante para a arte na capital mineira. Marília Salgado relembra que foi uma exposição do artista que inaugurou a galeria de arte do BDMG. “Pedimos a colecionadores que cedessem as obras. Eu mesmo fui a casa do pessoal escolher as peças”, relembra.

As obras ficam expostas na galeria de arte BDMG cultural até o dia 23 de dezembro e a entrada é gratuita.

Por João Vitor Fernandes e Rute de Santa

Foto: Divulgação BDMG

NO COMMENTS

Leave a Reply