Greve de bancários ganha mais força nesta terça

Greve de bancários ganha mais força nesta terça

0 449
Foto Ana Paula Tinoco

A greve que começou na última segunda-feira, 6 de setembro, já atinge 65% das agências na capital mineira. Outras 54 cidades de Minas Gerais, também, aderiram à paralisação. De acordo com o último balanço divulgado pelo Sindicato dos Bancários de BH e Região, das 753 agências, 493 fecharam no início da paralisação.

Segundo balanço dos grevistas, após uma semana de reivindicações, são 11.531 agências e 48 centros administrativos com suas atividades paralisadas. Como informou o Banco Central, no Brasil, atualmente existem 22.676 agências bancárias instaladas. E nesta terça-feira, 13 de setembro, o movimento ganhou força com mais duas cidades, que são elas: Nova Lima e Ribeirão das Neves.

O número de trabalhadores que aderiam a greve não foi divulgado, mas de acordo com o Sindicato um novo balanço deve ser divulgado ainda na tarde desta terça-feira.

Eliana Brasil, presidente da entidade, explica que bancos públicos e privados aderiam a causa e ressalta que os clientes não serão afetados, já que sem o atendimento presencial, eles podem usar canais eletrônicos e até o momento não houve atrasos ou a não realização dos serviços.

Os bancários que recusaram a proposta de reajuste de 7% apresentada pela Fenaban na sexta-feira, dia 9 de setembro, voltarão a se reunir nesta tarde, em São Paulo. Em nota, a entidade disse que “o modelo apresentado de aumento composto por abono e reajuste sobre o salário é o mais adequado para o atual momento de transição na economia brasileira, de inflação alta para uma inflação mais baixa”.

Sobre o início da greve, clique aqui.

Texto Ana Paula Tinoco

NO COMMENTS

Deixe uma resposta