Provoque a dúvida

Provoque a dúvida

0 788
Foto retirada do Blog David

Provoque a dúvida, deixe a culpa, escute a rua.

Olhe o mundo.

Saia andando, corra até um abraço.

Não demore, modere o passo.

Arrisque mais, dentro do compasso.

Conheça o mistério, abra caminho, vá para o espaço.

Confie no novo, se errar faça de novo.

Seja bobo quando precisar ser esperto.

Finja esperteza quando achar que não estar certo.

Viva discreto. Grite para o mundo,

tenha coragem e alguns medos ocultos.

Arrume um teto. Corte as raízes.

Olhe o precipício. Colecione cicatrizes.

Aprenda com a dor, sinta o calor.

Caia no mundo. Enfrente o amor.

Sobreviva a vida, com um frio na barriga.

Fique atento. Use o vento ao seu favor,

não perca tempo.

Ganhe vida, zere o jogo. Comemore ao abrir os olhos, respire para ter certeza.

Conte até dez antes de fazer qualquer bobeira.

Explore o erro seja sábio.

Aprenda a observar. Fale pouco, separe tempo para escutar.

Decore atitudes boas, pratique perseverança.

Abra os olhos. Seja a esperança.

Observe além da linha do horizonte.

Aproveite este instante.

Não seja um enfeite, não precisa ser perfeito.

Faça acontecer.

Enlouqueça por um momento, grite aos quatro ventos.

Saia sem direção mantenha a velocidade.

Diga a verdade.

Saia do sério. Mantenha seus critérios.

Arrume pretexto.

Bagunce mais a cama. Faça carinho.

De valor a quem te ama.

Espere o sinal verde. Sinta a brisa no ar.

Rabisque sua parede.

Seja verdadeiro. Complete a metade.

Veja os sinais ao redor.

Escute musicam boas. Aproveite seus pais.

Não olhe para trás com rancor. Seja capaz de fazer mais.

Cuide de alguém, mas não se esqueça de você.

Não sabe, então aprenda a fazer.

Quebre o vidro acione o alarme.

Provoque um debate.

Sinta o coração que aos poucos bate.

Distancie-se, da rotina, aproxime-se do prazer.

Pratique o ato de ler.

Procure algo ser. Esqueça o ter.

Não pare.

Movimente-se.

Tenha atitude. Se alguém precisar o ajude.

Enjoou, mude. Gostou cultive. Pensou execute.

Provoque a calma. Alimente a alma.

Por Tiago Rodrigues

NO COMMENTS

Deixe uma resposta