Tags Posts tagged with "gastronomia"

gastronomia

0 414

*Por Daniela Reis

A receita de hoje é ideal para o café da manhã ou aquele chá das cinco. Essa quitanda foi nos enviada pela aluna do curso de Gastronomia do Centro Universitário Una, Shirley Benedete de Figueiredo.

Ela recebeu a receita de uma amiga querida e gostou tanto quando colocou a mão na massa e sentiu o sabor, que quis compartilhar conosco essa delícia.

Rosquinhas de Queijo

Quantidade de Porções: 40 rosquinhas

Tempo de Preparo: +/- 1 hora

Nível de Dificuldade: Fácil

Ingredientes:

200 ml de creme de leite, ½ xícara de açúcar (240 g), 1 colher (sopa) de manteiga, 1 colher (sopa) rasa de fermento em pó, 1 xícara de queijo ralado, 1 ovo, farinha de trigo até dar o ponto de enrolar (+/- 3 xícaras).

Modo de Fazer:

Misture tudo até dar o ponto de enrolar.

Faça as rosquinhas e coloque no forno à 180º C por +/- 20 minutos.

Gostou dessa receita? Deixe aqui seu comentário! Siga nossas redes sociais e fique por dentro de outras delícias e notícias (Facebook e Instagram).

 

0 234
Uma receita de família que vai dar um sabor especial ao café tarde

Por Daniela Reis

Hoje o Jornal Contramão traz uma extremamente simples, mas que tem todo o afeto e lembrança da casa da avó do Sul de Minas.  O sabor traz aquela nostalgia gostosa do café da tarde feito no fogão de lenha, com as mais variadas quitandas mineiras. É uma receita de família, quem vem lá da Fazenda Cachoeira, situada na cidade de Carmo do Rio Claro. Quem nos agracia com essa delícia é a aluna do curso de Gastronomia do Centro Universitário Una, Clariane Brandão.

INGREDIENTES:

950g de Mandioca Ralada (950 g)

130g  de Queijo ralado

335g de Açúcar Cristal

1 Xicara de Manteiga (200 g)

10 Ovos

1 Colher de café de Bicarbonato

MODO DE PREPARO:

  • Ralar a mandioca e espremer, até não sair mais nenhum líquido dela;
  • Bater levemente os ovos;
  • Em um recipiente adicione: ovos batidos, açúcar e a manteiga até misturar todos eles;
  • Depois da mistura dos ovos pronta adicione a mandioca, queijo ralado e incorpore na massa. Misture bem e por último adicione o bicarbonato;
  • Unte uma forma e adicione a massa;
  • Pré-aqueça o forno por 10 minutos a 150°C;
  • Asse o bolo por aproximadamente 15 a 30 minutos.

Tempo de preparo: 30 minutos.

Quantidade de Porções: Aproximadamente 20 fatias

Categoria: Lanche, quitanda

Nível de dificuldade: Fácil

Que tal resgatar as lembranças do interior com essa receita especial?

 

0 360
Chef Wessery Zago apresenta seu delicioso prato de frango caipira e palmito taboa

Por Daniela Reis

Hoje o Contramão traz uma receita muito especial de frango caipira. O prato foi desenvolvido pelo aluno de gastronomia do Centro Universitário Una, Wessery Zago, e traz em sua receita o palmito taboa, uma planta saborosa também conhecida como como paineira-de-brejo, capim-de-esteira, paina, paina-de-flecha, paineira-de-flecha, pau-de-lagoa, taboinha, tabu, entre outros.

Que tal fazer essa delícia na sua casa e deixar a quarentena mais saborosa?

Frango caipira ao molho, champignon e palmito taboa

Número de porções: 06

Tempo de preparo: 1h10m

Grau de dificuldade: médio

INGREDIENTES

1kg de Frango Caipira

200g de  Champignon

200g de  Palmito Taboa

100ml de Vinho Branco Seco

50ml de Azeite Extra Virgem

250g de Tomate

100 gr. Cebola Roxa

50g de  Alho Laminado

100g de Oro pro nobis

Ervas Finas

Sal

Açafrão da terra (Cúrcuma)

Páprica defumada

MODO DE PRÉ-PREPARO DO PALMITO TABOA

Selecione os brotos de palmito e façam os cortes diagonais. Retire a primeira camada do palmito (mais amarelada), selecione apenas os de camada brancas. Faça o branqueamento em um litro de água e sal por 3 minutos. Reserve.

MODO DE PREPARO

Tempere o frango com páprica defumada, Açafrão-da-terra e uma pitada de sal; numa panela em fogo baixo, adicione o azeite, doure o alho e branquei  metade da cebola roxa; adicione o frango e deixo-o refogar até dourar, acrescente aos poucos o vinho branco seco e vá deglaçando vagarosamente para não desmanchar o franco e extrair o sabor; após a deglaçagem, utilizando da técnica, pinga e grita, vá adicione aos poucos o fundo até o frango obter um pré-cozimento; acrescente o tomate, o palmito taboa e o champignon; sempre em fogo baixo, vá adicione o fundo até o fim do cozimento do frango, do palmito taboa e do champignon; por fim, acrescente o restante da cebola, as ervas finais e as folhas de oro pro nobis. Sirva!

Dica: Harmonize esse prato com uma caipirinha gasosa com folhas de manjericão, limão, pimenta rosa, alegrim e acerola.

SOBRE O CHEF WESSERY ZAGO

Formando do Curso de Gastronomia do Centro Universitário UNA, Wessery Zago é jornalista e cozinheiro. Participa de eventos e festivais de gastronomia pelo Brasil dentre eles: Festival de Gastronomia de Tiradentes, Diamantina Goumert, Semana Mineira da Gastronomia, Minas é o Mundo, Fartura, dentre outros.

 

0 912
Uma receita deliciosa e prática para você fazer na sua casa.

Professora Rosilene Campolina compartilha a receita da sua avó Geraldina

*Por Daniela Reis

O Jornal Contramão, em parceria com o curso de Gastronomia do Centro Universitário Una, vai trazer para você deliciosas receitas e dicas de culinária que vão deixar sua vida mais gostosa e prática.

Para inaugurar esse projeto, contamos com a participação da professora Rosilene Campolina, que vai contar os segredinhos da saudosa receita do Biscoitão de Polvilho da Vovó. “Essa é uma receita genuinamente familiar, feita por minha avó Geraldina para alegrar os netos”, diz Rosilene.

Tradicionalmente, o biscoitão era assado na folha de bananeira e no forno à lenha, mas pode-se utilizar o forno elétrico ou a gás.

Que tal aproveitar para colocar a mão na massa e fazer aí na sua casa?

Biscoitão de Polvilho da Vovó

Quantidade de Porções: 6 a 8

Tempo de preparo: 35 minutos

Categoria: lanche, quitanda.

Nível de dificuldade: fácil

INGREDIENTES:

– 1 1/2 de polvilho doce ou azedo (medida do copo de requeijão

– 4 ovos

– 1 copo de óleo (180 ml)

– Sal a gosto (cerca de 6g)

*dica da chef: Se quiser pode incrementar a massa com gergelim, parmesão ralado ou ervas!

PASSO A PASSO PARA PREPARAÇÃO:

Bater tudo no liquidificador, colocar em uma forma redonda ou tabuleiro untado com óleo e assar a 180 graus.

Assim que crescer, abaixar a temperatura pra 150 graus e deixar corar.

Deixe esfriar e aprecie com aquele cafezinho.

Gostou da receita? Deixe aqui seu comentário!

0 393
Una recebe equipe do programa Caminho de Mesa para gravação

A atração será exibida pela Rede Minas e terá início no dia 03 de abril

Por: Italo Charles

A busca por novas culturas e diferentes opções de turismo deu origem ao programa Caminho de Mesa que será exibido pela emissora Rede Minas a partir do dia 03 de Abril. Um dos quadros da primeira temporada é um reality  em parceria com o Núcleo de gastronomia do Centro Universitário Una.

 

Dividido em 21 episódios, a produção visitará dez cidades mineiras. São elas: Barão de Cocais, Brumadinho, Caeté, Catas Altas, Itabirito, Mariana, Ouro Branco, Ouro Preto, Sabará e Santa Bárbara.

 

Na fase “Cidades”, a atração mostrará aos espectadores as curiosidades de cada região visitada, explorando as atividades culturais, turismo e a culinária. Já na fase de batalhas, chefs e cozinheiros locais serão desafiados a preparar pratos com ingredientes obrigatórios como: Vinho de jabuticaba, queijo, goiabada, entre outros.

 

A chef e apresentadora do programa, Milsane de Paula, destaca a importância da parceria formada a instituição de ensino. “A Una viabilizou a fase de batalhas e sem a estrutura disponibilizada seria impossível uma locação tão perfeita para a execução das gravações”, diz.

 

O coordenador do curso de gastronomia da Una, Edson Puiati, também revela como é importante para o centro universitário abrir as portas para uma ação como essa. “A relação da Una com o Caminho de Mesa fortalece o que acreditamos e ensinamos aos nossos alunos, a valorização da cultura alimentar local, o respeito aos ingredientes, a relação do homem com a terra, seus costumes e modo de fazer dos pratos. Além disso, o programa leva para as pessoas informações importantes sobre os municípios visitados”, revela.

 

Dentre os jurados, temos a jornalista e chef Ana Sandim e os chefs Edson Puiati, Flávio Trombino, Américo Piacenza, Jaime Solares, Mariana Gontijo, Rosilene Campolina, Patricia Amante, Marcos Proença.

*A matéria foi realizada sob a supervisão da jornalista Daniela Reis

 

0 442
Edição do primeiro semestre de 2019 foi um grande sucesso

Mostra da Una apresenta inovação, sustentabilidade e novos talentos, no dia 28/11

*por Jéssica Oliveira

Conectar os alunos com o mercado e possibilitar um desafio que envolve empreendedorismo, inovação e sustentabilidade. Esses são os objetivos da 8ª edição do GastroUna, que acontece no dia 28/11, na Una João Pinheiro. A apresentação, aberta ao público, vai reunir chefs, entidades do setor (Abrasel, Belotour e Emater), professores e críticos.

A mostra dos alunos de gastronomia propõe o desenvolvimento de um projeto técnico cientifico, que consiste na criação de um negócio, envolvendo desde a escolha do nome, logomarca, plano de negócio, planejamento estratégico, cardápio e execução. Nessa edição, os pratos apresentados devem conter Pancs (plantas alimentícias não convencionais).
Cada grupo também apresentará dois drinks (um alcoólico e outro não) para harmonizar com as refeições. Os projetos devem ser sustentáveis, criativos e trazer valorização da história e da biodiversidade brasileira.

Para a idealizadora do GastroUna, a professora Rosilene Campolina, a mostra é uma oportunidade de se apresentar ao mercado e ser julgado por ele. “Os talentos merecem ser reconhecidos. Esses novos profissionais precisam atravessar as fronteiras da universidade e ganhar o mercado. O GastroUna foi a metodologia que encontrei, para estabelecer essa rede de contatos e para servir de vitrine para os alunos”, diz Rosilene.

A professora ressalta que é importante preparar os alunos de forma prática para a empregabilidade. “Eles saem da faculdade com essa experiência, de vivenciar e montar um empreendimento. Não somente como cozinheiros, mas como gestores do seu próprio negócio. Isso envolve logística, gestão de insumos, de estoque, gestão de pessoas e a forma de administrar uma equipe”, completa.

Para o coordenador do curso de Gastronomia, Edson Puiati, essa prática também é importante para a instituição de ensino. “A matriz do nosso curso é o empreendedorismo e a gestão de negócios gastronômicos. O GastroUna vem coroar isso com muita criatividade, já que os estudantes colocam em prática tudo que aprenderam na sua trajetória acadêmica. Já para a Una, o evento apresenta para o mercado o que desenvolvemos aqui na academia, uma vez que nossos jurados são profissionais renomados. Isso faz com que a gente tenha um retorno do público externo sobre o nosso trabalho”, salienta.

Os três melhores grupos serão premiados com livros, kits de culinária e produtos gourmet, brindes personalizados, jantares e participação em grandes eventos como o Arraial de Belo Horizonte e as feiras Aproxima e Jungle Bier. O GastroUna também promove um intercâmbio entre cursos. Alunos de cinema e comunicação trabalharão em conjunto realizando a cobertura e transmitindo em tempo real as apresentações em telões do hall de entrada do campus, pela internet, nas redes sociais.

A aluna Caroline da Silva participou da última edição do evento com o sanduíche “Matula da Roça”, que trouxe ingredientes tipicamente mineiros como o pão de milho, farofa de torresmo, geleia de pimenta e couve. O prato ficou em 2º lugar no voto popular e ganhou o concurso junino no Arraial de Belo Horizonte 2019. “O projeto nos coloca frente a frente com a realidade de um investimento, além de trazer valorização e reconhecimento pelo nosso esforço”, diz.

Serviço:
Data: 28 de novembro de 2019
Horários: Manhã: de 08h às 11h / Noite: de 19h às 22h
Local: Unidade João Pinheiro II (Avenida João Pinheiro, 580, Lourdes – BH/MG)

*(A estagiária escreveu reportagem sob a supervisão da jornalista Daniela Reis)