Trabalho escolar, arte ou vandalismo?

Trabalho escolar, arte ou vandalismo?

0 655

Na tarde desta sexta-feira a região Centro-Sul da Capital ganhou novas marcas. Estudantes de design de produção saíram às ruas do bairro de Lourdes para realização de um trabalho de faculdade. Como proposta  de trabalho, os três jovens deveriam fazer uma releitura de obras de arte. A escolha do grupo foi à obra “As mãos negativas”. A ideia do grupo é passar essas mãos, que antes só eram encontradas em cavernas para a urbanização da cidade.  Que segundo o trio seria as cavernas de hoje. Com uma lata de spray, uma luva na mão, os estudantes saíram às ruas deixando as novas mãos.  Ana Alice* diz que o trabalho ainda não está completo, que pretende pinchar mais, para montar uma galeria mostrando diversos lugares da cidade com a nova marca.

Não acreditam que seja pichação e sim trabalho escolar. Sempre procuram muros que já contenham grafite, pois a arte de grafitar é autorizada. Os jovens contam que tiveram alguns problemas e que chegaram a ser expulsos de um estacionamento, mas que a maiorias das pessoas só passam na rua e olham com cara ruim. Por outro lado, outras pessoas chegam a parabenizar achando que os grafites presentes nos muros, foram feitos por eles.  Os estudantes esperam que a faculdade aprove a atitude e valorize o trabalho e não considera vandalismo.

*Foi utilizado um pseudônimo para preservar a integridade da fonte.

imagem-109

imagem-107

imagem-114

Por: João Marcelo Siqueira

Fotos: João Marcelo Siqueira

SIMILAR ARTICLES

NO COMMENTS

Leave a Reply