Tropeirão da Rússia: E depois do mundial?

Tropeirão da Rússia: E depois do mundial?

0 96
Renan Damasceno, repórter do caderno Super Esportes, do jornal Estado de Minas, é um dos convidados do Tropeirão da Rússia

Time de jornalistas se encontram no Mercado Central para um bate-papo sobre a cobertura da Copa do Mundo na Rússia; o público, além de desfrutar do encontro, irá saborear um tropeiro preparado pelo chef Edson Puiati

Por Felipe Bueno

O futebol no Brasil não seria o que é hoje se não fosse pela cobertura primorosa dos jornalistas. Desde Nelson Rodrigues, e suas crônicas que traduziram a paixão pelo esporte, até os dias atuais, talvez nenhum outro tema, dentro das redações, tenha que lutar tanto contra a objetividade jornalística. É uma missão sobre-humana não colocar na narração dos jogos e nas reportagens a profusão de sentimentos que o futebol provoca.

É com esse mesmo entusiasmo que o Centro Universitário UNA promove, no dia 25 de agosto, no Mercado Central, o “Tropeirão da Rússia”. O evento irá reunir uma equipe de jornalistas que batem um bolão fora de campo, para um bate-papo sobre a experiência da cobertura jornalística na Copa do Mundo. E depois do mundial, quais são as histórias e a avaliação desses profissionais? Essas questões, junto ao fator emoção, serão discutidas durante o encontro. Entre uma rodada de conversa e outra, o público terá a oportunidade de saborear um delicioso tropeiro preparado pelo chef Edson Puiati.

Os enviados especiais, de lá da Rússia, durante um mês, acompanharam a rotina da seleção brasileira, os treinos das equipes, passaram por uma maratona de jogos e coletivas de imprensa, entrevistaram os maiores astros do futebol e tiveram que se adaptar à rotina de um país muito diferente. O Hexa não veio, infelizmente. Mas o mundial na antiga república socialista surpreendeu a todos e suscitou diversos debates, sobre o que rolou dentro e fora de campo.

A primeira etapa do bate-papo, às 10h, do dia 25 de agosto, traz na escalação a jornalista Isabelly Morais, estagiária da rádio Inconfidência e primeira mulher a narrar uma partida de Copa do Mundo na TV brasileira, pela Fox Sports, e a editora do caderno Super FC, do jornal O Tempo, Soraya Belusi. A conversa, que levantará importantes questionamentos como a participação da mulher na cobertura da Copa, será conduzida por Kelen Cristina, subeditora do caderno Super Esportes, do jornal Estado de Minas.

Na segunda etapa, entram na área os jornalistas Renan Damasceno, do jornal Estado de Minas, e Josias Pereira, do jornal O Tempo, para falar sobre curiosidades e situações que viveram durante o trabalho de cobertura jornalística do mundial na Rússia.

A Rússia era logo ali – A Copa do Mundo, se não for o evento esportivo mais importante, é, com certeza, o que mais mobiliza as pessoas em todo globo. Isso se deve, claro, às características tão marcantes do futebol, a arte dos pés e da imprevisibilidade. Durante os jogos, os olhos dos espectadores anseiam que a bola balance a rede tanto quanto os pés dos atletas aspiram um gol. É por isso que o sentimento é uníssono no futebol.

Nas ondas do rádio, da televisão, e, até mesmo, nas conexões por fibra ótica no celular e computador, é difícil perder um lance. O trabalho de jornalistas mineiros, responsáveis por transmitir, narrar e documentar os jogos, e, sobretudo, entreter milhões, ganha destaque no evento “Tropeirão da Rússia”. Foi ontem mesmo a final do torneio na Rússia, mas fica aquele gostinho de quero mais para os amantes do futebol. Essa é uma oportunidade de colocar o público em contato com os profissionais envolvidos nos bastidores da Copa do Mundo.

SERVIÇO

Tropeirão da Rússia – Bate-papo com jornalistas sobre a cobertura dos jogos da Copa do Mundo na Rússia

Quando: 25 de agosto, sábado

Onde: Mercado Central (Espaço Cultural 2 – andar do estacionamento)

Endereço: Avenida Augusto de Lima, 744 – Centro, Belo Horizonte

10h – Mulheres na Copa da Rússia – Bate-papo com as jornalistas Isabelly Morais, da rádio Inconfidência, e primeira mulher a narrar uma partida de Copa do Mundo na TV brasileira, pela Fox Sports, e Soraya Belusi, editora do caderno Super FC, do jornal O Tempo. A rodada será mediada por Kelen Cristina, também jornalista e subeditora do caderno Super Esportes, do jornal Estado de Minas.

14h – Cobertura da Copa na Rússia – Os repórteres esportivos Renan Damasceno, do jornal Estado de Minas, e Josias Pereira, do jornal O Tempo, entram na área para falar sobre a experiência.

Entre uma rodada de conversa e outra, o público terá a oportunidade de saborear um delicioso tropeiro preparado pelo chef Edson Puiati.

A participação no evento será feita mediante inscrição.

Link do formulário de inscrição: https://bit.ly/tropeiraodarussia

Sujeito a lotação – 100 lugares.

NO COMMENTS

Deixe uma resposta