Música

Foto : ( Capricho)

 


Música

“Que tiro foi esse”. A autora da música mais falada do mês desembarca em BH nesta sexta-feira (19), para participar de um evento que ocorrerá no Parque Municipal, a partir das 19h. A cantora é convidada do Bloco “Já é sensação”.

No sábado (20) a partir das 18h30, a banda BaianaSystem irá reunir com os blocos Chama o Sindico e Pena de Pavão de Krishna, também no parque. O evento tem como objetivo, estimular a reflexão sobre a sustentabilidade em BH, dando ênfase no respeito e na liberdade de expressão.

Valor:  R$ 15 o lote extra /  BLOCO DO PIMPÃO – JOJO TODYNHO

Endereço:  Parque Municipal. Avenida Afonso Pena, 1.377, Centro

 

 

Artes Visuais

O Centro Cultural Banco do Brasil reúne 120 obras do Festival Internacional de Linguagem Eletrônica (FILE) na exposição “Disruptiva”. A mostra começa nesta sexta-feira (19) e vai até dia 19 de março. A entrada é gratuita e a classificação é livre. 

Endereço: Praça da Liberdade, 450 – Funcionários, (Praça da Liberdade)

 

Saúde

A Prefeitura de Belo Horizonte vai reforçar a vacinação contra febre amarela neste final de semana. Os 152 centros de saúde vão funcionar neste sábado, dia 20 de janeiro, para vacinação. O horário de funcionamento será das 08 às 17 horas. Saiba mais no link.

 

 

 

Por Hellen Santos 

 

O Brasil é um dos países mais ricos culturalmente, de norte a sul encontramos diversas formas de demonstração de cultura, movimentos como a Bossa Nova e a Música Popular Brasileira (MPB).  No repertório de nomes consagrados como, Roberto Carlos, Carmem Miranda e Ana Carolina, trazem experiências nas notas musicais e grandes melodias. O compositor visa o casamento entre a melodia e a letra, com o auxílio da sensibilidade e criatividade nos acordes, trazendo a emoção. Muitos artistas já nascem com o dom de compor: Vinícius de Moraes, Gilberto Gil, Cartola, dentre outros grandes nomes da música brasileira.

Em Minas Gerais, o compositor de sambas e microempresário Edson Cruz, de 58 anos, coloca em suas letras fatos do cotidiano e também um pouco de mensagens positivas e de esperança para quem vai ouvir suas melodias. Cruz descobriu seu interesse pela música nos anos 1970, quando aprendeu a tocar violão. Nessa mesma época, juntamente com seus amigos, participou de festivais o que fez o interesse pela música crescer, e foi aos 17 anos que sua primeira composição nasceu.

Ao relembrar da infância o sambista ressalta:  “Meu pai tocava violão e alguns tios, como minha avó materna gostava de cantar, sua casa tinha reuniões quase semanais. Com isto, tomei gosto pela música desde que me entendo por gente”, conta o compositor aos risos, que ainda completa destacando o que gostava de ouvir:  “As canções que faziam sucesso nas rádios e nos programas de auditório, praticamente: MPB”.

Edson Cruz destaca que no Brasil tem músicos de renome, porém, para não citar os inúmeros compositores que admira, ele resume em um: Luiz Melodia, autor de grandes músicas que o sensibilizou com suas letras.

Para Cruz, suas composições influenciam positivamente a sociedade, pois, segundo ele, esse é o lema principal na hora da criação. Sobre as políticas públicas, voltadas para a cultura, o compositor ressalta a importância de ter políticos ligados a música. “Como os políticos são um extrato da sociedade, e a cultura, incluindo a música, é importante para todos, seria interessante que tivéssemos candidatos com propostas específicas para o apoio à cultura”, afirma Edson. Ele acredita ainda que mesmo que a cultura musical brasileira esteja num momento industrial voltado para sucessos em letras pornográficas, ainda existem ouvintes que são fieis as músicas raízes.

 

Edson Cruz ( Arquivo Pessoal)

 

Não muito diferente de Edson, o porteiro e rapper Lucas Frade, 31 anos, vem pouco a pouco ganhando espaço com sua música. Segundo o jovem, tudo começou após um sonho onde Deus lhe dizia que sua missão na terra era cantar. Frade escreveu a sua primeira letra há sete anos e de lá para cá já foram mais de cinco discos lançados. Assista ao bate-papo com Lucas em especial para o Dia do Compositor, comemorado nesta última segunda-feira, 15.

 

 

Matéria: Hellen Santos 

Filmagem e edição: Ana Luísa Arrunátegui

Por: Kedria Garcia

A Praça Marechal Floriano Peixoto, localizada no bairro Santa Efigênia região Centro-Sul de Belo Horizonte, recebeu nos dias 21, 22 e 23 de julho a segunda edição do Festival da Gentileza com muito gás. A praça comumente conhecida como Praça do BG, foi palco de uma programação diversa com shows, feiras, oficinas, contação de histórias entre outras atrações.

A edição anterior, ocorreu na Praça da Liberdade e foi marcada com fitas coloridas e suas frases de reflexão, este ano não foi diferente. Posicionadas na entrada da praça, o público adulto aproveitou para tirar fotos e as crianças para se divertir entre as faixas. O evento chama a atenção por incentivar a população a dar uma respirada e parada na correria da vida cotidiana deixando a rotina de lado, o que foi bem aproveitado com as toalhas na grama e os piqueniques.

 

Foram três dias para entender a necessidade da gentileza praticada diariamente. A festa teve como tema: “Respire, Pare e Faça”, instigando os belo-horizontinos a repensar no tempo gasto, assim como a capacidade de colaboração e a solidariedade.

A organização ficou por conta do movimento Verbo Gentileza com apoio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura da Prefeitura de Belo Horizonte e a Fundação Municipal de Cultura, além dos patrocínios de empresas privadas e algumas parcerias foram feitas para promover o festival.

 

Por Ana Paula Tinoco

Na segunda noite da 12ª Mostra de Cinema de Ouro Preto a noite foi embalada pelo bom e velho som da música popular brasileira. Com o tema Marginália, bandas de gêneros variados que iam do rock ao samba fizeram uma bela homenagem a MPB.

A banda ouro-pretana Seu Juvenal abriu a leva de apresentações com um show inédito “Maldito Rock” criado especialmente para o evento. Os amigos que fazem um som autoral e estão juntos desde 1997 e em seu terceiro disco intitulado “Rock Errado” são bem conhecidos no cenário musical da cidade: “O som deles é demais. Essa mistura que eles estão fazendo traz um som diversificado. É bem bacana”, comenta Clarisse Maia, aluna da UFOP.

Sobre essa mistura Renato Zaca, baterista da banda, deixa claro que quando o som é bom a mistura é bem vinda: “É muito interessante porque além de levar a música deles, dos malditos, para o público de Rock, a gente leva o rock para o público da MPB. Tá sendo divertido fazer essa ponte entre dois estilos que são tão próximos e não necessita de ter essa distância imaginária. Desde que seja uma arte verdadeira é maravilhoso”.

Sobre a Mostra os integrantes da banda mostraram excitação e prometem aproveitar as noites do evento, “A experiência tá sendo ótima, eu conheço de outras edições, mas essa foi à estreia do nosso show. Então vamos aproveitar do melhor jeito possível”, ressaltou o vocalista da banda Bruno Bastos.

A Seu Juvenal ainda conta com a participação de Edson Zaca na Guitarra e Tito no baixo.

0 661

Por Júlia Guimarães – Rádio K-POP Brasil – Parceira Contramão HUB

Depois de muita garra as Armys finalmente puderam acompanhar a primeira vitória do BTS em solo americano. A Billboard Music Awards aconteceu no domingo (21) na T-Arena em Las Vegas.

Nós já estamos nos acostumando a ver o BTS no meio de grandes artistas da indústria coreana, uma vez que os meninos estão deixando o seu nome escrito na história do K-Pop, mas ontem foi a primeira vez que pudemos prestigiar os sete rapazes de diferentes províncias da Coréia do Sul fazer história nos Estados Unidos e conseguir arrancar elogios de diversos artistas e da mídia internacional.

A premiação estava marcada para ter seu início às 21h, enquanto o Magenta Carpet iniciaria às 19h em ponto, e foi exatamente neste horário que pudemos assistir através da live da ABC os sete rapazes saindo da limusine que os trazia. O portal Papelpop, e diversos fãs, elogiaram e brincaram com a pontualidade do BTS.

Após algumas entrevistas, dentre elas uma para o canal E!, e outra para a ABC, os sete integrantes pararam um pouquinho para posar para fotos oficiais da imprensa e fãs que os aguardavam e gritavam com bastante força o nome do grupo. Para se ter uma pequena noção, a revista Vogue, conhecida como uma das mais conceituadas de moda do mundo, elegeu o BTS como o grupo mais bem vestido daquela noite, e dentre eles, V foi escolhido com o mais fashion.

Com certeza os holofotes eram para todos, mas parece que o visual do grupo, nosso querido SeokJin, virou motivo de comentários sobre o quão lindo o terceiro membro da esquerda para a direito era, uma vez que o portal de K-Pop, o Allkpop, fez questão de escrever uma matéria a respeito disso e mostrar alguns prints.

Às 21h a premiação teve início com algumas apresentações e entrega de troféus, e mais uma vez o grupo foi destaque de noticiários pela educação. Sempre que um nome era anunciado, os sete se levantavam e aplaudiram de pé os vencedores, sem se importar se eram apenas eles que estavam fazendo isso. Mas agora vem a parte mais importante: mesmo que muitos vencedores não tenham sido aplaudidos de pé por toda a arena, no momento em que o nome BTS foi anunciado como vencedor da categoria Top Social Artist, artistas, jornalistas e público, se levantaram para aplaudir os meninos que conseguiram desbancar o ídolo Justin Bieber, Selena Gomez, Ariana Grande e Shawn Mendes com mais de 593.8 milhões de votos (está aí outro recorde, o grupo mais votado em uma premiação da Billboard).

Além de realizar um discurso muito emocionado, o líder Namjoon fez questão de agradecer a todas as Armys que se uniram para que eles pudessem estar ali naquele momento. Foi possível enxergar nos olhos de cada um dos sete (mesmo através da televisão) a gratidão que possuem com cada um de seus fãs.

Mas a noite não acabou alí, além de vencerem pela primeira vez uma premiação americana e ser o primeiro grupo de K-Pop a concorrer, o mundo inteiro ficou se questionando “Quem é BTS?” e jornais do mundo inteiro estão respondendo de inúmeras maneiras quem são os sete rapazes que abriram suas asas na Coréia e estão aos poucos, com muito trabalho, conquistando o mundo.

A CNN escreveu “Maiores do que o Bieber? O grupo de K-Pop BTS bateu o americano e venceu a Billboard Music Award”, enquanto o INDEPENDENT afirmou “K-Pop está oficialmente em terras americanas”, já o site da revista PEOPLE listou cinco coisas que você precisa saber sobre o BTS. Além de toda essa repercussão da mídia, não podíamos deixar de lado que os meninos foram tietados também por artistas como a cantora Halsey e Camila Cabello.

A Rádio K-Pop Brasil realizou toda a cobertura do BTS na Billboard Music Awards através do Twitter @radiokpopbrasil. Se você quiser dar uma olhadinha em vídeos, fotos e memes de ontem, lá é sua parada obrigatória!

Parabéns BTS e muito, muito sucesso nessa jornada que está apenas começando.

Revisão: Sthefany Toso 

0 389
Foto: Divulgação
Créditos: Allkpop
Tradução: Sthefany Toso – Rádio K-POP Brasil
A primeira unidade promocional do BOYS24 da CJ E & M / Liveworks Company está se preparando para sua estréia!
Os meninos anunciaram o nome da unidade e compartilharam o logotipo promocional através de seu SNS oficial.
“O evento ‘Naming Contest’ para a primeira equipe promocional do BOYS24, que foi escolhida através do ‘BOYS24 SEMI FINAL’ no último dia 5 de março foi realizado no fã-clube oficial do BOYS24 e, finalmente, ‘UNIT BLACK’ foi selecionado como nome da equipe.
UNIT BLACK, como uma nova unidade de BOYS24 [atualmente] realizará um concerto ao vivo com quatro unidades, um estilo ‘chique e impressionante’ como uma cor preta. UNIT BLACK atingirá o topo com a sua singularidade.”
O logotipo oficial da UNIT BLACK mostra a primeira equipe promocional do BOYS24, bem como a enorme ambição da UNIT BLACK, de que o potencial dos membros pode formar uma sinergia melhor quando as letras formam palavras que têm significado.
 
Com a liberação de um novo single em abril, eles vão começar a mostrar suas performances em vários campos, por isso, dê um monte de apoio e amor para a primeira equipe promocional do BOYS24, UNIT BLACK.
Apesar de 9 membros terem sido escolhidos para promover na UNIT BLACK inicialmente, o membro Jin Sung Ho decidiu abandonar o seu lugar no UNIT BLACK, depois de rumores maliciosos circularem online. Fique atento para mais informações sobre seu novo single!